Rocío Márquez e Bronquio lançam novo álbum “Tercer Cielo”

“Tercer Cielo” é o novo álbum que junta Rocío Márquez, uma das mais relevantes vozes do flamenco contemporâneo, e o produtor de música eletrónica Santi Bronquio.

 

Entre o passado e o futuro, entre a memória e o desejo, existe uma zona tão frágil como rica, um paraíso no limiar. Foi neste lugar sagrado que a ‘cantaora’ andaluza Rocío Márquez e Bronquio, um dos protagonistas da música eletrónica espanhola, se encontraram para criar “Tercer Cielo”, um álbum que mergulha no desconhecido e ao fazê-lo, cria uma nova linguagem.

O ponto de partida é o flamenco. Encontram-se estruturas rítmicas, líricas e melódicas de bulerías, rumba, pregón, seguiriyas, tangos, garrotín, milonga, debla, toná, soleá ou verdiales. Cada um destes palos é depois trabalhado segundo diferentes estilos de música electrónica, como o techno, o electro ou o break. O resultado é uma colisão eletrizante entre o passado e o futuro, que transcende géneros musicais.

O novo disco tem também reunido enormes elogios pela sua apresentação ao vivo, que pode acontecer essencialmente em dois formatos: um para teatros, composto de encenações com direcção artística de Emilio Rodríguez Cascajosa e Juan Diego Martín Cabeza, e outro mais clássico, cantado e tocado, para apresentações ao ar livre e em festivais.

Partilha