“Devagar, De Mansinho“… os Zarco estão de regresso aos palcos

Os Zarco estão de volta. Depois de “Spazutempo” de 2019 e da aventura com as Crianças Loucas, em “LISBOAWOOD” e “GASPAR”, o quarteto regressou aos palcos no primeiro dia do Super Bock em Stock.

Zarco sugere que numa descida aos infernos – ou por virtude da subida do mal – há sempre uma possível maneira de lá sair ou de tais forças combater: cantar. Cantar como analogia para qualquer forma de expressão artística que nos ajude a compreender o mundo além do que a vista alcança.

📸 Paulo Miranda

Partilha