Simone… Do Brasil para o Coliseu Porto

Ontem, dia 10 de novembro de 2022, o Coliseu do Porto foi palco de mais um grande concerto.

A cantora brasileira Simone está a apresentar o seu novo álbum, “Da Gente”, trabalho este realizado durante o período de confinamento. A sala do Coliseu estava muito bem composta, um público mais da velha guarda, que contrastava com o público brasileiro, que era constituído por jovens e pessoas mais maduras.

 

O concerto foi excelente, foi uma celebração de alegria, de amor por uma grande artista, que já tem 72 anos, e está, agora, a celebrar 50 anos de carreira. A voz, a alegria, o ritmo, o vestir de branco são marcas que o tempo não alterou. Simone, neste concerto apresentou temas do passado, intercalados com os do novo álbum.

Destaco, por uma questão de gosto pessoal, e também pela reação causada no público, os temas “Cigarra’; “O Que Será?”; “Começar De Novo”, temas do passado, que eu amo de paixão. Do novo álbum, destaco, pelas mesmas razões já referidas, os temas “Estilhaços”, “Escancarada”, “Nua”, sendo este último tema composto, em parceria com o poeta português, Tiago Torres Da Silva.

Destaque ainda para a homenagem em palco à recentemente falecida Gal Costa.

Um espetáculo excelente, repleto de emoção, nostalgia, alegria, e até dança, uma vez que o público não aguentou, e já no encore, aglomerou-se junto ao palco para cantar e dançar. Foi um concerto daqueles que nos faz feliz, saí do Coliseu bem disposta, alegre, com vontade de extravasar toda a minha alegria, embora o meu adereço, o impeça.

Gostei muito, a energia do povo brasileiro é definitivamente contagiante, e a Simone é sem dúvida exemplo disso.

 

Reportagem: Ana Cristina

Fotografias: Carlos Sá

Partilha