FEA – Festival dos Espacos dos Artistas de Lisboa… – Glam Magazine

FEA – Festival dos Espacos dos Artistas de Lisboa…

O FEA, Festival dos Espacos dos Artistas de Lisboa, é um festival dedicado aos espacos artísticos existentes na cidade. De 18 a 20 de maio, um grupo de artistas apresentará projetos exclusivos de exposições, eventos e performances nos seus ateliês, espaços independentes ou outros locais geridos por artistas, por toda a área urbana de Lisboa. O festival inclui 20 locais diferentes que mostram tanto o trabalho de artistas emergentes como estabelecidos.

O Festival segue uma experiência italiana de sucesso, o Studi Festival, e promove algo radicalmente diferente na oferta cultural da cidade de Lisboa. Marca também o lançamento da BeArt em Portugal, uma plataforma de crowdfunding representada por Marina Os. Real Estate and Creative Industries, cujo objetivo é apoiar artistas no desenvolvimento dos seus projetos.

 

“O objetivo do FEA é estimular e fazer emergir colaborações entre artistas, abrindo um novo tipo de diálogo entre estes e a cidade, e destacando a necessidade de uma ligação mais quotidiana e real entre a arte contemporânea e a sociedade.” Rebecca Moccia, diretora artística.

 

O conceito do FEA nasceu da necessidade de estimular e incentivar colaborações entre artistas. O festival revela os espaços de artistas sediados em Lisboa (espalhados pela rede urbana da cidade) que abrirão as suas portas durante os três dias do evento. Estes podem incluir ateliês, espaços independentes ou outros locais geridos por artistas. A primeira edição coincide com a feira de arte internacional ARCO Lisboa e, por isso, oferece a este público específico uma alternativa ao roteiro institucional da arte contemporânea.

Os participantes foram sugeridos por artistas, curadores e galeristas sediados em Lisboa e convidados a apresentar um projeto para o FEA. A seleção final foi feita pela equipa do festival, liderada por sua diretora artística, Rebecca Moccia. Cada artista irá organizar uma exposição (ou outro evento) no seu próprio espaço, envolvendo outros artistas para colaborar na apresentação. O objetivo é criar uma rede que apresente um novo mapeamento das forças criativas locais, que não inclua apenas espaços institucionais e galerias privadas, mas todos os lugares onde a arte ganha vida diariamente. É um projeto que incentiva os artistas a envolverem-se com outros artistas para desenvolverem arte em Lisboa de uma forma colaborativa e não competitiva, promovendo um interesse pela esfera cultural da cidade. Além disso, pretende abrir um novo tipo de diálogo entre os artistas e a cidade, destacando a necessidade de um debate mais real entre a arte contemporânea e a sociedade.

O FEA Lisboa oferece a possibilidade de repensar o fenómeno artístico, reconhecendo a sua complexidade e variabilidade contínuas. É um projeto criado para promover a autonomia artística e a renovação do sistema de arte numa perspetiva colaborativa.

 

Durante os dias do Festival (18 a 20 de maio de 2018), os espaços envolvidos estarão abertos das 17h às 21h e, em alguns casos devidamente assinalados, mediante agendamento. Toda a informação sobre os espaços participantes estará disponível online e num folheto impresso. A participação no festival é gratuita para os participantes e visitantes.

Partilha