Manuel Freire ao vivo em Oliveira de Frades – Glam Magazine

Manuel Freire ao vivo em Oliveira de Frades

Ele bem sabe que o sonho…

Entrou no Teatro Experimental do Porto em 1967. Entretanto, estreava-se na música com um EP que continha “Dedicatória”, “Eles”, “Livre” e “Pedro Soldado”, em 1968. O disco não escapou à censura, vindo a ser proibidos quatro temas.

Estreou-se na televisão, no Zip-Zip, em 1969, para cantar “Pedra Filosofal”, poema de António Gedeão, que o popularizou.  O EP “Dulcineia” foi lançado em 1971, em 1972 colaborou na banda sonora da longa-metragem de Alfredo Tropa, Pedro Só e editou, em 1973, o LP “De Viva Voz”, gravado ao vivo com José Afonso e José Jorge Letria.

Foi um dos muitos músicos que, conjuntamente com Zeca Afonso, participou no influente e extraordinário espetáculo que encheu o Coliseu, a 29 de Março de 1974, acabando num coro de Grândola Vila Morena.
Sobe ao palco do Cine Teatro de Oliveira de Frades no próximo dia 25 de Maio.

Partilha