Lusitanian Ghosts editam disco homónimo… – Glam Magazine

Lusitanian Ghosts editam disco homónimo…

Os Lusitanian Ghosts editam a 8 de junho o seu disco homónimo. De um coletivo de músicos que reúne artistas nacionais e internacionais em torno de guitarras tradicionais portuguesas com um toque de modernidade, este disco é o álbum de estreia dos Lusitanian Ghosts e já se encontra em pré-venda.

Num país milenar com raízes etno-musicais que ultrapassam os séculos, há instrumentos cordofones quase esquecidos pelo mundo. Com nomes tão apaixonantes quanto as suas variadas afinações: a Amarantina, Beiroa, Toeira, Braguesa, Terceira ou Campaniça.

 

Alguns novos lutiers como António Pinto de Carvalho estão a voltar a fabricar estes instrumentos quase extintos, e Neil Leyton, cantautor de ‘rock n roll’ luso-canadiano, inspirado pela riqueza e História desses instrumentos funda os Lusitanian Ghosts: um colectivo de artistas dedicado à experimentação e integração destes cordofones na gravação de um novo álbum inédito, casando ‘rock n roll’  internacional com os cordofones lusófonos.

O projeto conta também com a participação de Micke Ghost na Amarantina, Vasco Ribeiro Casais, aka OMIRI, na Braguesa, o Gajo na Campaniça, Abel Beja na Terceirense e finalmente Neil Leyton na Beiroa. Todos acompanhados por João Sousa na bateria.

O single “Trailer Park Memories“, foi já uma apresentação daquilo que podemos encontrar neste disco de estreia dos Lusitanian Ghosts. Primeiro single a ser desvendado, cruza a sonoridade tradicional dos cordofones portugueses Amarantina e Braguesa com uma estética de rock n roll internacional protagonizada pelo luso-canadiano Neil Leyton e pelo sueco Micke Ghost.

Produzido por Ricardo Ferreira (Blim Records) nos Canoa Studios entre Torres Vedras e o mar, Lusitanian Ghosts será editado num exclusivo digital pela Lusitanian Records a 8 de junho.

Partilha