João Lencastre’s Communion 3 no CCB

É a intangível liberdade holística do clássico trio de jazz que aqui se desvela e sublima: a impressionista inquietação inquisitiva do baterista e compositor João Lencastre cruza-se com o depurado gesto especulatório do contrabaixista norueguês Eivind Opsvik (membro do quinteto e do sexteto do crucial Nate Wooley) e com a confluente deriva lírica do pianista norte-americano Jacob Sacks, e a matéria imaterializa-se.

 

Música de (in)contidas narrativas categoricamente improvisadas, em ascética metamorfose identitária, num eloquente e audacioso devir sonoro que inventa uma outra rima, abstrata e utópica, para a contemplação que não descura a ação.

Publicado pela insigne editora portuguesa Clean Feed, o álbum “Movements in freedom” – quinto na discografia desta mutante Communion (que já recrutou instrumentistas tão notáveis quanto Bill Carrothers, David Binney ou Thomas Morgan), e primeiro com esta formação será o ponto de fuga para um recital que se anuncia a todos os níveis singular, dia 2 de Março no Centro Cultural de Belém

Partilha