“Entre Sombras” vence Prémio do Público no Curtas Vila do Conde – Glam Magazine

“Entre Sombras” vence Prémio do Público no Curtas Vila do Conde

Entre Sombras”, apresentado no festival em estreia nacional, foi eleito pelos espectadores o melhor filme da competição portuguesa do Curtas Vila do Conde, que integrou uma segunda curta-metragem com produção do estúdio: “À Tona”, de Filipe Abranches. Alice Guimarães e Mónica Santos voltam, assim, a arrecadar o mesmo prémio que já tinham vencido na edição de 2015 com o filme “Amélia & Duarte”.

A animação em stop motion, com recurso à técnica da pixilação, inspira-se nos elementos dos filmes noir e tem como cenário a cidade do Porto, nos anos 40, envolvida em mistério e jogos de sombras. A história, narrada por Margarida Vila-Nova, acompanha a funcionária de um banco (Sara Costa), onde se depositam corações, numa aventura em busca de um coração roubado. Os vários perigos que enfrenta, na companhia de um homem misterioso (Gilberto Oliveira), conduzem-na a um dilema: dar o seu coração ou guardá-lo para si.

Entre Sombras” foi co-produzido pela francesa Vivement Lundi! e pela portuguesa Um Segundo Filmes e é distribuído pela Agência da Curta Metragem. O filme – que teve estreia mundial em junho no Festival Animafest Zagreb, onde foi também distinguido com o Prémio do Público – segue agora para festivais como o Anima Mundi (Brasil), SICAF (Coreia do Sul), Hiroshima International Animation Festival (Japão), Animanima (Sérvia), KROK (Rússia), Animatou – International Animation Film Festival (Suíça), entre outros.

 

Também durante o fim-de-semana, uma outra produção da Animais AVPL foi premiada: “A Sonolenta”, de Marta Monteiro, venceu, no Festival Ibérico de Cine, em Badajoz, o prémio Onofre para a Melhor Música Original, com assinatura de Eduardo Raon.

 

Partilha