Beautify Junkyards anunciam novo disco… “The Invisible World of…” – Glam Magazine

Beautify Junkyards anunciam novo disco… “The Invisible World of…”

Os Beautify Junkyards vão lançar o seu terceiro álbum dia 9 de Março através da editora inglesa Ghostbox. Será uma edição em todos os formatos (LP,CD e digital) e terá distribuição mundial através da State 51.

“The Invisible World of…” é, acima de tudo, um álbum com um espírito colectivo muito acentuado e em que a maioria das músicas tiveram como raiz longas sessões de improviso. Musicalmente, este terceiro álbum dos Beautify Junkyards pode ser considerado mais atmosférico e com uma amplitude emocional mais alargada que os trabalhos anteriores. A sua característica cosmic folk mantém-se como elemento nuclear mas em “The invisible World of…” surge tingida por ritmos ritualísticos, ambientes mais noturnos e misteriosos. A influência da acid folk britânica e da tropicália está assim mais diluída com elementos da electrónica pioneira (como a dos BBC Radiophonic Workshop), da library music e de bandas sonoras de filmes Giallo, trazendo cada vez mais singularidade à música produzida pela banda lisboeta.

As misturas do álbum ficaram a cargo de Artur David, experiente engenheiro de som que já assinou trabalhos de bandas como Orelha Negra, Mão Morta, Cool Hipnoise e a masterização ficou a cargo de Jon Brooks, responsável por masterizações de editoras como a Ghost Box e a Trunk Records, que é igualmente músico de renome na área da música electrónica ambiental, quer a solo, como em projectos como os Advisory Circle.

Quanto à estética visual, todo o artwork é da autoria do designer Julian House (um dos fundadores da GB). Julian House tem trabalhos publicados na indústria musical, literatura e cinema, podendo destacar-se capas de bandas como os Oasis, Broadcast e Primal Scream e trabalhos para filmes como “A Field in England” e o “The Duke of Burgundy”.

E como se já não fossem suficientes as boas novas, este novo álbum marca também a estreia de Helena Espvall na formação da banda. A violoncelista sueca, ex-membro da banda americana de folk Espers e que reside já há alguns anos em Lisboa, tem tido um sólido percurso ligado à música improvisada, mas também se destacam colaborações que teve com artistas de peso como Vashti Bunyan e Bert Jansch.

Estão assim reunidos todos os ingredientes para um regresso em grande dos Beautify Junkyards em 2018, estando a banda a preparar uma tour de apresentação que percorrerá o país. Como cartão de visita do álbum, a escolha para o 1º single recaiu sobre “Aquarius”. O single está presente em todas as plataformas digitais e tem novo vídeo realizado por João Pedro Moreira.

Os Beautify Junkyards são: João Branco Kyron (sintetizadores e voz), Rita Vian (voz), João Pedro Moreira (viola, sintetizadores), Helena Espvall (violoncelo e viola), Sergue (baixo) e António Watts (bateria e percussões).

 

Partilha