“Ana, meu Amor”… um filme de Cãlin Peter Netzer – Glam Magazine

“Ana, meu Amor”… um filme de Cãlin Peter Netzer

“Ana, meu Amor”, um filme de Cãlin Peter Netzer, recebeu o Urso de Prata de Melhor Contribuição Artística no Festival de Berlim de 2017.

Tem estreia marcada a 15 de Agosto nos cinemas.

 

Sinopse:
Toma conhece Ana quando estudam ambos literatura. Ana tem uma ligeira perturbação neurótica e sofre de ataques de pânico. Toma segue-a para todos os cantos sombrios em que ela se refugia, discute com os seus pais quando estes a rejeitam, e aceita finalmente ser pai e casar-se com ela, assumindo o papel de cuidador do filho, motorista, tornando-se em tudo aquilo de que ela precisa. Toma parece controlar a relação, quando na verdade, gravita apenas à volta de uma mulher que não compreende, levando até ao limite a tentativa de a salvar.

Quando Ana ultrapassa os seus medos e se adapta ao mundo real, Toma permanece só, tentando reconstruir o seu mundo e procurando compreender o turbilhão por que passou

 

As suas primeiras curta e longa-metragens, ambas intituladas “MARIA” (1997 e 2003), foram exibidas e premiadas em festivais de prestígio, em todo o mundo. A sua longa-metragem de estreia foi o destaque do Festival de Locarno 2003, obtendo o Grande Prémio do Júri e o Leopardo de Prata para 2 actores principais. A sua segunda longa-metragem, “MEDAL OF HONOR” (2009), foi exibida em mais de 30  festivais.

CHILD’S POSE [MÃE E FILHO]”, terceira longa-metragem do realizador, venceu o Urso de Ouro no Festival de Berlim 2013, tornando-se o primeiro filme romeno a receber o prémio. Netzer regressou à competição do Festival de Berlim em 2017 com “ANA MON  AMOUR”.

Partilha