“Ah!”… Batida convida Poté para uma faixa totalmente instrumental…

Desta vez, Batida convida Poté para uma faixa totalmente instrumental – ou quase, caso consigam ouvir o título cantado ao longo da canção. Este é o segundo single do próximo álbum Batida, a ser lançado em Portugal no dia 21 de outubro. O álbum é intitulado “Neon Colonialismo” e não é sobre neon.

O novo single é ilustrado por um vídeo que retrata um passeio de bicicleta desde os arredores de Lisboa, na Amadora, onde Pedro cresceu, até ao Lux, o lendário clube, onde Poté & Batida actuaram numa noite inteira como DJ’s. A viagem inclui uma breve paragem no Padrão dos Descobrimentos,

“Ah!” é sobre a base sonora e rítmica comum compartilhada pelos dois produtores que cresceram num lugar diferente do de nascimento. Batida sempre manteve um diálogo aberto com Luanda, reflectindo sobre a sua própria relação com os sons de influência angolana, em Lisboa, Poté afirma que  “Foi a primeira vez que ouviu paralelos entre o que ouvia quando criança em Santa Lúcia e o que outras pessoas faziam com a música de dança”.

A música de Poté revela o som e ritmos da sua herança e interesse pela composição exploratória e emotiva. A rede que construiu ao longo do seu caminho diz muito sobre as suas influências: com ligações desde a editora lisboeta Enchufada, a Benji B e a Damon Albarn. Na verdade, foi num dos encontros do Africa Express de Damon que Poté e Batida começaram a trabalhar nesta canção, em 2018.

Partilha