Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Glam Magazine

Glam Magazine

NOS em D´Bandada 2016 arranca no Silo Auto

O parque de estacionamento Silo Auto estreia-se este ano no itinerário do NOS em D'Bandada, marcando, de resto, o arranque da programação do festival, agendado já para este sábado, 17 de setembro.

GLAM - Edu Mundo.jpgphoto: Sara Silva

 

Mais cedo do que é habitual, o programa do NOS em D'Bandada inicia-se logo pelas 14h00, com uma proposta diferente: o piso 7 do Silo Auto transforma-se num mercado de música, numa zona de restauração, com cinco propostas de comida de rua, e num espaço para concertos. Convidando o público a iniciar a tarde com boa música, Edu Mundo (na fotografia) abre o palco às 14,30 horas, seguindo-se Tatanka às 15,45 horas.

 

A partir das 16,30 horas, é a vez de Miguel Araújo, presença assídua no festival desde a sua primeira edição, entrar em cena com um projeto muito especial, composto em exclusivo por temas que escreveu para outras artistas, como Ana Moura, Carminho ou António Zambujo. Para manter o ritmo até ao por do sol, a música prossegue até cerca das 20 horas com o DJ Pedro Tenreiro a girar discos de funk e soul.

 

A par dos concertos, o Silo Auto oferece também outras novidades: um mercado de música e um espaço com comida de rua. A partir das 14h00, o público do NOS em D´Bandada pode assim dar início a um sábado diferente, fazendo compras inspiradas no mundo da música, provando comida do Porto e de outros pontos do mundo, sempre com a música como pano de fundo. A agenda do mercado e as marcas de restauração que se juntam ao NOS em D'Bandada 2016, no piso 7 do Silo Auto, são:

 

Mercado Musical:

8mm Records

Pequena editora independente de música eletrónica, também especializada na venda de vinil novo e usado.

Capitão Gancho

Em vinil ou em CD, estampada numa t-shirt ou exibida num pin,  aqui irão encontrar muitas bandas preferidas do público.

Livraria Excelsior

Livraria alfarrabista que selecionará as melhores publicações sobre música ou sobre músicos. Biografias, cifras e todas as curiosidades, por escrito.

Gira discos Vintage

Para os amantes do vinil. Aqui podemos descobrir gira-discos clássicos e outros aparelhos Hi-Fi vintage. Recuperados e prontos a tocar.

Stratgear

Stratgear é uma designação mais ou menos pomposa e deveras anglo-saxónica, denominando uma coleção privada de parafernália musical. Muitas guitarras, pedais, sintetizadores e outros aparelhos áudio, que já conheceram vários donos vão estar disponíveis para partir rumo a novas aventuras sonoras/musicais.

Karina Krumina

A ilustradora, natural da Letónia, reside no Porto e vem apresentar as suas ilustrações musicais.

Leonor Feijó

George Harrison, Patti Smith, Nick Cave, Bjork, Jimi Hendrix, Nina Simone, Lou Reed, entre muitos outros. Ilustrações originais em papel ou em tote bags para levar os ícones da música para todo o lado.

Laroca

Pintados à mão são os bonecos de pano da Laroca, que personificam os grandes nomes da música, nacional e estrangeira. Caricaturados e coloridos, da Amália ao Adolfo Luxúria Canibal e do David Bowie ao Kurt Cobain.

 

Mercado Alimentar:

Comida de Rua - Hambúrgueres, batatas fritas, bolas de Berlim

La Catrina - Comida mexicana

A Portuguesinha - Sandes e pregos

Sou Sweet - Gelados artesanais

Vernazza Coffe Roasters - Café

Usher edita hoje novo álbum… “Hard II love”

“Hard II love””, o novo álbum do Usher, foi hoje editado.

Usher, super estrela global e vencedor de oito prémios Grammy, foi classificado pela Recording Industry Association of America como um dos artistas mais bem-sucedidos na história da música norte-americana, tendo vendido mais de 65 milhões de álbuns no mundo inteiro. Já conquistou inúmeros prémios, incluindo 8 prémios Grammy, e foi eleito o artista n.º 1 do Top 100 da década de 2000. A Billboard elegeu-o o segundo artista mais bem-sucedido da década de 2000, com o seu álbum de 2004 “Confessions” que fez disparar a sua carreira a ser classificado como o melhor álbum a solo da década de 2000. Usher já conquistou nove êxitos que chegaram ao n.º 1 do Top 100 (todos eles como artista a solo) e 18 singles nos primeiros dez lugares do Top 100.

Usher Hard II Love capa.jpgEste ano está a ser excelente para Usher, não só na música como também no cinema. Usher interpreta o papel do pugilista Sugar Ray Leonard no filme “Hands of Stone”, um filme biográfico do pugilista Roberto Duran, interpretado por Edgar Ramirez e com a participação de Robert De Niro.

Os fãs que efetuarem a pré-reserva de “Hard II love” vão receber imediatamente duas faixas do novo álbum: “Missin U” e “Champions (do filme Hands Of Stone)”, com a participação de Usher no papel do pugilista Sugar Ray Leonard, com estreia prevista, em Portugal, para dia 6 de Outubro.

Red Bull Music Academy Culture Clash chega em Outubro a Lisboa…

Depois de Londres, Nova Iorque, Toronto e Milão, Lisboa prepara-se para receber a 20 de outubro a primeira edição portuguesa do Red Bull Music Academy Culture Clash. O conceito é no mínimo revolucionário, com quatro crews a darem o seu melhor cada uma no seu palco. No fim apenas uma sairá vitoriosa do Coliseu de Lisboa, com a decisão a pertencer em exclusivo ao público. A estreia do Red Bull Music Academy Culture Clash em Portugal está marcada para dia 20 de outubro, num conceito inovador inspirado nos famosos sound clash jamaicanos que já deixou rendidas cidades como Londres, Manchester, Roterdão, Nova Iorque, Toronto ou Milão.

P-20160613-01201_News.jpgphoto: Red Bull photo pool

 

O local escolhido foi o Coliseu de Lisboa, que receberá quatro crews em quatro palcos distintos. A interação com o público é total, ficando nas suas mãos a decisão da vitória: um sonómetro vai traduzir em número de decibéis o entusiasmo com que cada crew é recebida. Daí o lema do Red Bull Music Academy Culture Clash: “Apoia a tua crew. Quem manda aqui és tu”. As crews convidadas representam diferentes sonoridades e tendências na cena musical portuguesa:

 

A Club Atlas é liderada por Branko e conta com parte da família Buraka Som Sistema, Riot, Kalaf e Pongolove que dá a voz ao hit "Kalemba (Wegue Wegue)" e também com o homem da frente dos ex-Da Weasel, Carlão e Fred Ferreira, responsável pela percussão da Banda do Mar.

 

Não é difícil perceber quem controla os destinos da Moullinex Live Machine. Os estimados representantes da etiqueta electrónica Discotexas: Moullinex e Xinobi juntam-se a Da Chick, dona daquela voz carregada de funk e do espírito das ruas de Nova Iorque e a The Legendary Tigerman, ou por outras palavras, o deus do rock-de-energia-infinita.

 

A Matilha não tem açaime e responde ao finalista do Red Bull Thre3Style 2015, DJ Ride, ao habitual navegador dos charts nacionais, Jimmy P e aos MGDRV, anteriormente Macacos do Chinês e que recentemente se encontraram com DJ Ride no LP "From Scratch".

 

A crew Batida + Kambas e o Próprio Kota! resulta da ligação íntima entre Portugal e Angola: Batida, o mágico que traz os anos 60 e 70 da música angolana e acrescenta sonoridades atuais; DJ Satélite, com reconhecidos sets de afro-house e kuduru a rolar no Boiler Room; Karlon, o fundador dos Nigga Poison; os detentores dos melhores "moves" de hip-hop André Cabral, Gonçalo Cabral e Bernardino Tavares; e o ícone e promotor desta relação estreita com a música angolana, Bonga.

 

Quatro forças distintas, cada uma delas com trunfos inegáveis na hora de rockar uma pista de dança com grooves capazes de mover montanhas. A batalha promete ser épica!

 

Coliseu dos Recreios (Lisboa)

20 de Outubro 2016

Ennio Morricone lança “Morricone 60” a 11 de Novembro

O reconhecido compositor italiano Ennio Morricone acaba de anunciar o lançamento de um novo álbum, que assinala 60 anos de carreira com mais de 600 composições. O novo disco, "Morriocone 60", chegará às lojas apenas um dia depois de Morricone celebrar 88 anos, a 11 de novembro, e marca o início de uma nova fase do seu percurso, agora que acaba de assinar pela Decca Records.

O disco é disponibilizado em pré-venda esta sexta-feira e quem fizer já a sua reserva recebe imediatamente, e de forma gratuita, o tema “The Good The Bad and the Ugly”.

Morricone_60_1.jpgMorricone 60” é o primeiro álbum de êxitos de Ennio Morricone dirigido, gravado e com curadoria do próprio compositor. Nele, o aplaudido maestro interpreta alguma da melhor música que compôs para cinema, como para os filmes como “O Bom, O Mau e o Vilão” até ao mais recente “Os Oito Odiados”, de Quentin Tarantino, cuja banda sonora foi premiada nos Óscares. O álbum também assinala os 60 anos de Ennio Morricone enquanto compositor e maestro e inclui novas gravações com a Czech National Symphony Orchestra, com a qual tem vindo a colaborar nalgumas das mais importantes banda sonoras.

 

Além da versão standard, este “Morricone 60” também estará disponível numa edição deluxe que inclui CD e DVD, sendo que o DVD contém um documentário sobre a gravação da banda sonora de “Os Oito Odiados”, filmado nos estúdios de Abbey Road.

Novo single dos The Gift… "Love Without Violins" feat Brian Eno

É hoje apresentado o novo single dos The Gift “Love Without Violins" feat Brian Eno, com produção de Brian Eno, reconhecido produtor inglês e habitual colaborador de David Bowie, Talking Heads, U2, Coldplay, que trabalhou durante dois anos com os The Gift naquele que será o novo álbum de originais da banda.

A primeira passagem desta nova canção deu-se na BBC Radio 6 e o tema encontra-se em pré-venda no iTunes a partir de hoje. O lançamento oficial deste single está marcado para 30 de setembro, data a partir da qual o tema passa a estar disponível em todas as lojas digitais e serviços de streaming.

the gift.jpgTal como o álbum, a lançar em 2017, “Love Without Violins” foi composto por Nuno Gonçalves e Brian Eno e misturado por Flood – reconhecido produtor de bandas como Depeche Mode, Pj Harvey, The Killers, Nick Cave, Sigur Ros, entre outros.

A letra de “Love Without Violins” é da autoria de Sónia Tavares e de Brian Eno e trata-se de um single que abre um caminho novo no som da banda. Uma busca pelo desconhecido e pelo improvável, algo sempre presente nas sessões do disco novo.

A ideia para "Love Without Violins" veio da arrepiante voz da Sónia. Ela canta num registo muito parecido ao meu (penso que se chama barítono), mas tem umas tantas oitavas pelo meio, ou seja, ela é quase um soprano dos barítonos. Como invejo essas oitavas dela. De qualquer forma, a Sónia estava a cantar este tema sobre esta negra e perigosa paisagem que não tinha muitas palavras no início, mas eu percebi logo e imaginei de imediato este diferente tipo de amor que estava a ser realizado.

A voz dela remete para uma mulher suprema, de uma confiança quase desdenhosa, alguém que gosta de jogar com pessoas que gostem de ser manipuladas.

Eu quis capturar esta ideia de um tipo de amor que não é, de todo, cor-de-rosa, querido e adolescente, mas que tem tons de controlo e rendição, um tipo de amor no qual as pessoas estão preparadas para atingir os limites da sua imaginação.”, explica Brian Eno.

 

Já Nuno Gonçalves, dos The Gift, caracteriza este período de trabalho no novo álbum como "o melhor momento da banda" e um "acordar de novo. Acordar sempre com vontade de mais. Terá sido esta a vontade do destino. Acordávamos sempre cedo. Durante dois anos acordámos sempre mais motivados. Trabalhar da forma que fizemos foi uma experiência única, intensa e sem grandes pressas acordávamos um pouco mais cedo daquilo que sempre soubemos ser um sonho. Um sonho acordado".

O regresso de Diana Martinez com “Put Your Love in Me”

Put Your Love in Me” é o single que junta Diana Martinez e The Black Mamba.

Com letra e música de Diana Martinez, este é o terceiro avanço para o álbum da cantora, com saída prevista para o próximo ano, depois de “That’s Just How We Do It” e “Reverie”.

reverie-final

Ao longo deste ano, Diana Martinez esteve em digressão e passou por palcos como o Festival do Crato, as Festas do Mar ou o MEO Marés Vivas. Colaborou ainda com Souls of Fire no tema “Your Love” e com We Trust num remix do tema “We Are The Ones”.

O aguardado primeiro álbum de Diana Martinez & The Crib sai no próximo ano.

Calvin Harris estreia hoje novo single “My Way”

My Way” é o novo single do Calvin Harris, lançado hoje. O tema já está disponível digitalmente. Este ano, Calvin Harris fez história com a sua atuação no festival mais conhecido do mundo, Coachella. A sua performance foi a que teve mais público, em toda a história do festival!

Calvin Harris_My Way capa.jpegNo início do verão, Calvin Harris destacou-se também, ao ganhar dois prémios nos MTV Video Music Awards, nas categorias de Melhor Vídeo Masculino, graças ao single “This Is What You Came For”, em colaboração com a Rihanna; e de Melhor Vídeo Eletrónico, com “How Deep Is Your Love”, em parceira com os Disciples.

 

“Mãos de Aranha Coxa” é o single de apresentação do álbum ”A Vingança do Bicho do Mato” dos Bicho do Mato

Os Bicho do Mato são de Évora e já puseram a comunidade celta luso-galega a dançar a sua música num festival folk a norte de Portugal, a tribo gótica a gritar os seus refrões no Sabotage Club, em Lisboa, e até algumas crianças da sua vizinhança a ouvir com atenção, e a tentar descodificar as palavras, as fábulas, os contos ou as arrojadas lenga-lengas cuja inspiração primeira vão buscar algures à História mas que, sem pudor, adaptam a canções dos nossos dias.

2lglftompc7e.jpgphoto: Rita Carmo

 

“Mãos de Aranha Coxa” é o single que serve de cartão de visita de “A Vingança do Bicho do Mato”, álbum de estreia do grupo que será editado no início de Outubro.

Os Bicho do Mato, nascidos na capital do Alto Alentejo em 2011,são Daniel Catarino (voz, guitarras, baixo, coros, latapau e sonoplastia), Tó Zé Bexiga (viola campaniça, guitarra acústica, teclados e coros), Zé Peps (guitarra acústica, guitarra slide, ukulelé, bandolim e coros) e Daniel Meliço (bateria cocktail).

Na gravação de “Mãos de Aranha Coxa”, contaram com a voz de Ana Miro (Sequin) como convidada.

Norberto Lobo… novo álbum "Muxama" a 26 de Setembro

Norberto Lobo, uma das figuras principais da música portuguesa do nosso tempo, tem novo álbum de originais. “Muxama”, de seu nome, estará disponível em CD, Vinil LP e digital, distribuído internacionalmente e nas nas lojas do nosso país a partir de 26 de Setembro.

untitled

Trata-se do seu sexto disco de estúdio em nome próprio e o seu segundo lançado no selo editorial suíço Three:Four Records, sucedendo a “Fornalha” de 2014.

Muxama” é o mais fresco capítulo realizado pela expressão artística do Norberto à guitarra, como sempre fruto do seu rico mundo interior, pujante curiosidade pela vida e pelas pessoas - músicos, seus pares, e público, outras pátrias e línguas e culturas - e uma particular inquietude estética perante a linguagem musical que vem oferecendo com a sua seis cordas. O estilo e o espírito que habitam os 9 temas de “Muxama", composições afinadas entre o escrito e o acaso abraçado no momento da interpretação, sugerem as vias de acesso a uma harmonia e uma musicalidade próprias de outras paragens, espaços insituáveis onde o sonho e o mito fazem ouvir, em cada breve narrativa, a sua estranha e obsessiva voz.

Revelando-se o seu álbum 'mais eléctrico' até à data, Norberto emprega agora pedais de efeitos e filtros em tempo real para com a sua técnica prodigiosa dar forma às suas ideias musicais, o que confere uma inspirada dimensão prismática à obra produzida, moldando noções de tempo, timbre e frases de maneira brilhante, simultaneamente clássica e póstera.

 

Júlio Resende apresenta novo álbum “Fado & Further” no palco da Biblioteca da Feira

Júlio Resende, um dos mais prestigiados pianistas e compositores portugueses, sobe ao palco do auditório da Biblioteca Municipal de Santa Maria da Feira no dia 17 de setembro, às 21h45, para apresentar o seu quinto álbum “Fado & Further”, onde o músico inclui vários temas de fado e jazz.

JULIO RESENDE_FADO & FURTHER

Este concerto, promovido pela Câmara Municipal de Santa Maria da Feira, no âmbito da programação do último quadrimestre, associa-se e complementa a programação da Gala dos 25 Anos da Associação Benévola de Dadores de Sangue de Santa Maria da Feira, com a participação da fadista transmontana Carolina, que estreará neste concerto, pela primeira vez ao vivo, o single do seu

 

O concerto tem entrada livre limitada à lotação do auditório

Lady Gaga anuncia novo álbum "Joanne" para 21 de Outubro

Vencedora de seis prémios Grammy, Lady Gaga vai lançar o muito aguardado quinto álbum de estúdio, “Joanne”, a 21 de outubro. O anúncio foi feito recentemente pela própria cantora numa entrevista a Zane Lowe no programa Beats 1.

lady.jpgEste anúncio surge pouco depois do lançamento do single “Perfect Illusion”, o primeiro retirado do novo álbum. O single entrou diretamente para o 1.º lugar dos tops de vendas do iTunes em 60 países. Após uma semana do seu lançamento, “Perfect Illusion” tornou-se a canção mais adicionada às playlists de rádio de música pop, nos EUA.

Ao longo da sua carreira, Lady Gaga já vendeu 30 milhões de álbuns em todo o mundo e 150 milhões de singles.

Joanne” surge três anos depois do desafiante “Artpop”, sendo que pelo meio ainda se aventurou num disco em parceria com Tony Bennett, “Cheek to Cheek”, editado em 2014.

James Arthur apresenta single de estreia de novo disco “Say you won’t let go”

Say you won’t let go” é o tema de apresentação do segundo disco de James Arthur, “Back From the Edge”. “Say you won’t let go” está disponível desde 9 de SETEMBRO.

James Arthur Say you won't let go capa single

O artista define esta balada como “um tema de amor com o qual todos se podem sentir identificados”. Apesar desta música, em particular, “não ter nada a ver com a minha própria história”, o mesmo não acontece com o restante álbum, que James Arthur define como “muito honesto e real”.

Neste trabalho, o estilo musical do artista mantém-se “versátil”, influenciado pelos seus diferentes géneros favoritos: soul, rock e hip hop. James Arthur remete para os seus pais a responsabilidade pelo seu gosto musical eclético: “Gosto de explorar diferentes géneros e misturar tudo. Cresci a ouvir música soul, com a minha mãe, e o meu pai gostava de heavy rock, como Black Sabbath, AC/DC e Thin Lizzy. Neste álbum, temos um pouco de tudo”.

Entusiasmado com o novo álbum, o artista mostra-se expectante em relação ao futuro: “Estou satisfeito com o álbum que fiz. Amei cada minuto em estúdio e, agora, o que será, será”.