Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Glam Magazine

Glam Magazine

Novos Talentos FNAC 2016… O futuro da Música Portuguesa

A iniciativa Novo Talento FNAC tem como premissas a liberdade artística e a promoção da diversidade cultural, à margem das correntes, desprendida de estilos e de modas.

ditch.jpgA coletânea Novos Talentos FNAC Música pretende ser um retrato fiel dos projetos emergentes da cena musical portuguesa. Após o sucesso atingido com as edições de 2007, 2008, 2009, 2010, 2011, 2012, 2013, 2014 e 2015, nas quais se destacaram os então desconhecidos Deolinda, Mazgani, Rita Redshoes, Sean Riley & The Slowriders, Anaquim, Samuel Úria, B Fachada, Os Pontos Negros, Orelha Negra, Paus, We Trust, Capitão Fausto e Best Youth, a FNAC volta a lançar, este ano, uma nova edição que integra 33 temas inéditos, de 33 novos talentos, num CD duplo.

O CD Novos Talentos FNAC 2016 revela o futuro da música portuguesa, a nova geração de músicos portugueses que aposta, cada vez mais, numa mistura de linguagens na qual se cruzam estéticas e discursos inovadores.

 

Cd 1:

01 Ditch Days - “Melbourne”

02 Whales – “Big Pulse Waves”

03 Fugly – “Waste My Time”

04 The Sunflowers – “Zombie”

05 Mighty Sands – “Love Son”

06 The Japanese Girl – “I’m In Dreamland”

07 Ganso – “Lá Maluco”

08 Fel – “Paraíso”

09 Luís Severo – “Vida De Escorpião”

10 Madrepaz – “Sol Amarelo”

11 Full Mean Ants – “Hipster Sister”

12 The Twist Connection – “They Are Coming”

13 Legs & Arms – “Martyr”

14 Galgo – “Skela”

15 Bruxas/Cobras – “Mandrake”

16 Vircator – “Tunguska”

Cd 2:

01 Slow J – “Cristalina”

02 Lince – “Earth Space”

03 Surma – “Maasai”

04 S. Pedro – “Amores de Inverno”

05 Filipe Sambado – “Subo A Montanha”

06 Sallim – “Deserto”

07 Jorge Da Rocha – “Birth Song”

08 Antony Left – “Evil”

09 Silly Boy Blue – “Like A Comet”

10 Mira, Un Lobo! – “Serotonin”

11 Keso – “Underground”

12 Profjam – “Queq Queres”

13 Harold – “Vão Dizer”

14 Jonny Abbey – “So Far”

15 Malibu Gas Station – “Ellie Parker”

16 The Missing Link – “The Path”

17 Leviatã - “Sul”

“Cânticos das Sereias”… Ciclo de Concertos e DJ’s em Ílhavo…

Durante o mês de julho, os fins de semana chegam ao som dos Cânticos da Sereia, um ciclo de concertos e DJ’s, com sabor a verão, que promete animar os finais de tarde de sexta-feira, no novo Centro Sociocultural da Costa Nova. Isaura, Surma, Sequin, Sallim e Joana Barra Vaz são as cinco “sereias”, cinco cantoautoras portuguesas, cujas sonoridades encantatórias vão juntar-se às sonoridades electrónicas da região.

Um ciclo que resulta da parceria entre o Centro Cultural de Ílhavo e a Ballroom, uma proposta que se estende muito para lá do simples concerto. Aqui pode desfrutar do melhor pôr-do-sol da região e estender este mágico encontro pela noite dentro.

GLAM - Isaura (3).jpgphoto: Paulo Homem de Melo / Glam Magazine

 

Os concertos estão marcados para as 19h00, mas o “warm up” começa a partir das 17h00, com uma bebida refrescante no terraço, com vista para o mar e para as dunas, onde se poderá desfrutar do melhor pôr-do-sol da região. Após o concerto, a festa continua com dois DJ’s, estendendo-se pela noite dentro. As Sereias despedem-se do sol e as músicas electrónicas celebram o primeiro luar do fim de semana.

No novo espaço cultural da Costa Nova, junta-se o melhor da natureza com o melhor da produção musical nacional.

 

1 de julho

17.00h - Warm up: Beatdizorder

19.00h - Isaura

20.30h - 00.00h - After: Beatdizorder + Zé Nuno

8 de julho

17.00h - Warm up: Pedro Menício

19.00h - Surma

20.30h - 00.00h - After: Pedro Menício + Zé Nuno

15 de julho

17.00h - Warm up: Disconine

19.00h - Sequin

20.30h - 00.00h - After: Disconine + Beatdizorder

22 de julho

17.00h - Warm up: Ze Nuno

19.00h - Sallim

20.30h - 00.00h - After: Ze Nuno + Beatdizorder

29 de julho

17.00h - Warm up: Tozé Diogo

19.00h - Joana Barra Vaz

20.30h - 00.00h - After: Tozé Diogo + Ze Nuno

 

Centro Sociocultural da Costa Nova (Ihavo)

 

Anarchicks… Novo Single "Witch One"

As Anarchicks apresentam o seu novo single “Witch One”, o segundo retirado do mais recente álbum "We Claim The Right To Rebel And Resist".

Mais que uma música, “Witch One” é uma viagem, uma alegoria dramatizada num videoclipe que nos transporta para o mundo das Anarchicks.

ana.jpgEste vídeo contou com a realização de José Dinis, que já tinha trabalhado com a banda no primeiro single deste mesmo álbum "We Claim The Right".

Quatro miúdas, sem hora para chegar a casa, tomam de assalto um Mercedes vermelho e partem em direcção ao infinito. Deslizam por estradas do Alentejo que se perdem no tempo, sonham com histórias de bruxas que leram secretamente em livros antigos, adivinham um futuro que irá arder nas fogueiras da nova inquisição, uma metáfora para os amuletos, superstições, pactos e estigmas dos nossos dias. Vão, por fim, desaguar numa igreja inacabada de Leiria, onde explode um refrão que acelera o coração e ecoa nos claustros imperfeitos de um cenário poético que se veste de sombras com o cair da noite.

Natiruts lançam o single “Dou Não Dou”… homenagem a Djavan

Os Natiruts lançaram o single “Dou Não Dou” na passada sexta-feira, 24 de junho. O lançamento está assim disponível digitalmente em todas as plataformas de compra a streaming de música, e também no YouTube da banda.

nati.jpgAfim de espalhar o amor por aí, a banda brasiliense regravou o clássico de Djavan lançado em 1987, no disco “Não é Azul, Mas é Mar”. Não é de hoje que Alexandre Carlo se diz um grande fã de Djavan. Já o músico veterano também se mostrou um grande admirador da banda de reggae ao afirmar:

“Natiruts é uma grande banda. Sua versão em reggae da minha música “Dou Não Dou” ficou orgânica, vigorosa, linda, a cara deles. Adorei! Saúde e sucesso para todos”.