Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Glam Magazine

Glam Magazine

Maze apresenta álbum de estreia ao vivo no Hard Club

O álbum homónimo surge sem anúncio prévio e chegou às lojas a 6 Maio.

No ano em que os Dealema, um dos mais raros casos de longevidade no hip-hop português, comemoram o seu 20º aniversário, o MC do colectivo estreia-se no formato longa-duração com um álbum homónimo editado de forma repentina com o selo 2ºPiso/Banzé.

O muito aguardado disco é composto por 15 temas onde Maze expõe as suas entranhas, verte sentimentos nos seus poemas de confiança, debitados sobre o boom bap dos 90, que, por sua vez, se alimenta do jazz, soul, disco, reggae e funk que sempre foram a banda sonora da sua vida. Maze leva-nos numa viagem ao seu âmago, interpreta a condição humana, transmuta como um alquimista e injecta esperança nos que o acompanham enquanto percorre o seu caminho.

Image1a.jpgA produção executiva ficou a cargo do seu companheiro de armas Mundo Segundo (Dealema) e foi gravado pelo mesmo no 2º Piso. O disco conta com produções de vários nomes da cena rap nacional como Ace (Mind da Gap), Mundo Segundo, Sam the Kid, Tombo, Raez, DJ Suprhyme, Reis, Sair e Virtus. A mistura e masterização ficou nas mãos de Gustavo Carvalho.

A parte gráfica foi desenvolvida pela equipa de Deck 97 na fotografia, Bruno Rodrigues no branding e design gráfico, e Filipe Cravo na pintura.

Paralelamente à sua carreira com os Dealema, Maze sempre esteve bastante activo no panorama musical nacional, desde as múltiplas participações em projectos underground aos palcos pisados em tours dos Mind da Gap ao activismo como agente divulgador em rádio com a Oblá Fm e presentemente com o Ginga Beat da Red Bull Music Academy.

Depois do sucesso da participação no disco de Serial com o tema "Brilhantes Diamantes", que se tornaria num clássico do hip-hop nacional em 2005, disponibiliza apenas em formato digital o EP "Homem em Missão" pela Ace Produktionz em 2007. Em 2012 lança o EP de electrónica "Micromegas" com o alter ego Spaced Out no selo Faca Monstro do qual é membro fundador. No ano passado apresenta o projecto Subverso com o produtor Soma, e músicas que estavam há "10 anos em gaveta" vêem finalmente a luz do dia.

 

Hard Club (Porto)

25 de Junho 2016

WoodRock Festival com line-up completo

A pouco mais de 1 mês da edição de 2016 do WoodRock Festival, são agora revelados os horários do line up do festival

wood.jpg

22 Julho 2016

Big Red Panda - 21:30

10000 Russos - 22:30

Dollar Llama - 23.30

Switchtense - 00:30

El Paramo - 02:00

Plus Ultra - 03:15

 

23 Julho 2016

Soleil Noir - 21:30

Miura - 22:30

The Grand Astoria - 23:30

Killimanjaro - 00:30

Keep Razors Sharp - 01:30

Spectral Haze - 03:00

 

No dia 21, a partir das 13 horas, abrem-se as portas do campismo e de noite, com a festa de recepção ao campista num bar da localidade, abrem-se as hostilidades do festival com a apresentação dos Mil e Tal Pregos e com o set musical de DJESUS. Na piscina de Quiaios, durante a tarde de Sábado, o DJ CORAÇÃO cuidará da recuperação tranquila dos festivaleiros até ao pôr do sol.

“Sagres” o EP de Holldën

No seu 2º EP, Holldën prova ser, simultaneamente, o instigador dessa jovialidade e o regulador dessa condição que o tempo assinala e o homem concretiza. Se, por um lado, assume desde a primeira batida o desejo expresso de fazer-nos dançar, por outro não perde tempo antes de dirigir os passos de quem veio penitenciar-se de pecados diários para um plano de percepção e movimento mais elevado.

sagres.jpgHolldën é o nom de guerre de Miguel Duarte, nascido em Portugal, a 9 de Janeiro de 1982. Inicialmente aprendeu guitarra clássica. Aos 19 anos comprou o seu primeiro par de gira-discos. Estava-se no auge da febre da dance music no sul de Portugal.

Um leitor ávido, passou muita da sua juventude a saquear a biblioteca do seu pai. Sem surpresas, o seu sonho original era ser escritor. Actualmente, está a escrever um livro sobre a filosofia por detrás da música Techno. Escreve também para uma agência noticiosa local de referência.

Holldën passou os últimos anos mergulhado no estudo da música electrónica underground, com especial enfoque no Techno.

“Sagres” é lançado no próximo dia 13 de Junho pela Field Rhyme, uma nova editora independente portuguesa

Nick Jonas está de volta com novo álbum… “Last Year Was Complicated”

É já esta sexta-feira que chega às lojas o aguardado novo álbum de Nick Jonas, “Last Year Was Complicated”, que o próprio descreveu como a obra mais pessoal que já compôs até hoje. O álbum chega depois de ter revelado dois já muito bem-sucedidos singles: “Close” (em dueto com a cantora Tove Lo) e “Chainsaw” (cujo vídeo conta com a participação da modelo portuguesa  Sara Sampaio).

nick.jpgPara assinalar o arranque da promoção a este “Last Year Was Complicated”, Nick Jonas vai atuar esta sexta-feira no popular programa televisivo norte-americano “The Today Show”, seguindo-se na segunda-feira o “The Tonight Show with Jimmy Fallon”, na terça-feira o “Watch What Happens Live” e na quarta-feira o “The Late Show with Stephen Colbert”.

 

A imprensa tem vindo a criar bastante expetativa em torno do novo álbum de Nick Jonas e o próprio tem vindo a provocar os seus admiradores, tendo esta semana divulgado um  teaser  do seu novo vídeo, para a canção “Bacon” (com Ty Dolla $ign), que se encontra disponível em exclusivo na plataforma Tidal.

À revista Billboard, Nick Jonas confessou que “Last Year Was Complicated” é um projeto muito pessoal e que fala muito sobre o seu íntimo. “O que disse aos meus colaboradores foi de que tenho de ter a certeza de que tudo o que digo tem de ser significativo e cheio de coração, e englobar não apenas as histórias da minha vida real mas também quem eu sou, a minha personalidade.”

Já o single “Chainsaw”, tema catártico sobre o fim da sua última relação é, segundo o próprio: “A canção mais pessoal que alguma vez escrevi. Acho que é uma das mais fortes e, definitivamente, uma das mais íntimas”. Além deste tema, “Last Year Was Complicated” conta ainda com a participação do rapper  Big Sean na canção “Good Girls”.

 

Será ainda lançada uma versão deluxe deste álbum que inclui  mais seis canções ao alinhamento original, entre elas “When We Get Home”, um dueto com  Danielle Mason, e os anteriores singles “Jealous”, “Chains” e “Levels”, que fizeram parte do último álbum do cantor.

Drake… Novo disco faz sucesso nas plataformas de streaming

Views” era um dos álbuns mais aguardados do ano e agora que já está disponível revela-se mais um grande sucesso do percurso de Drake. Esse sucesso é especialmente visível nas plataformas de streaming, onde soma números astronómicos. Só em Portugal “Views” conta com  11 milhões e 500 mil streams, valor que soma os streams gerados em todas as plataformas existentes no mercado português.

cover1400x1400-51-1-1000x600.jpegO novo álbum de Drake encontra-se ainda em 1.º lugar do Spotify Portugal pela terceira semana consecutiva. Aliás, em apenas duas semanas “Views” somou mais de 1 milhão e 200 mil streams nesta plataforma. Além disso, o single “One Dance” está há 6 semanas no 1.º lugar do top de temas mais ouvidos no Spotify Portugal, com uma média de 30 mil streams diários. A nível mundial “Views” conseguiu ter mais de 350 milhões de streams, só no Spotify.

Também na plataforma MEO Music este álbum tem sido um sucesso, encontrando-se em 1.º lugar do top de álbuns. Já o tema “One Dance” já chegou ao 2.º lugar do top de faixas mais ouvidas no MEO Music.

 

Além de “One Dance”, o novo álbum do rapper canadiano conta ainda com outros temas de sucesso como “Pop Style” ou o icónico “Hotline Bling”. Para este sucessor do muito aplaudido “Nothing Was the Same” (2013), Drake recrutou algumas colaborações de luxo, nomeadamente de artistas como Rihanna, Future, Popcaan, Pimp C, dvsn, PARTYNEXTDOOR, Wizkid e a cantora  Kyla. Kanye West também aparece, como coprodutor do tema “U With Me?”.

 

Em julho, Drake vai ainda arrancar com uma nova digressão pelos Estados Unidos, de quase 60 datas, e partilhada com o rapper norte-americano Future.