Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Glam Magazine

Glam Magazine

Ri – Festival nacional de Comédia em Santa Maria da Feira

Ri – Festival Nacional de Comédia acontece pela primeira vez em Santa Maria da Feira. O Festival apresenta um conceito inovador, trazendo uma vertente cultural, formativa e social, além do esperado momento de comédia. Composto por uma exposição de cartoons, um workshop de iniciação à comédia, um momento de cinema e um espetáculo de stand-up comedy, o festival deseja dissociar-se de um mero espetáculo de humor através de uma vertente cultural e interventiva, explorando a interceção entre a comédia e as diversas formas de expressão artística.

ri0.jpgViva Bordalo! é uma seleção de obras alusivas a Bordalo Pinheiro, que estiveram a concurso no PortoCartoon World Festival. A exposição estará disponivel no foyer do CTAL durante os três dias do festival.

Vamos falar de comédia! é um worshops para iniciantes, iniciados e curiosos sobre o mundo da comédia, a construção de textos e personagens. A inscrição deve ser feita antecipadamente. A participação é gratuita.

Da programação Do festival contará ainda com o envolvimento do Cineclube da Feira que exibirá, neste âmbito, a comédia italiana Gangsters Falhados, de Mario Monicelli. A exibição ocorre no autditório da Biblioteca Municipal, no qual o Cineclube da Feira desenvolve a sua atividade regular aos domingos.

Ricardo Campus, conhecido autor de caricaturas, ilustrações e cartoons fará uma intervenção no festival.

 

Programa:

6 de Novembro 2015

14h00 - 00h00 – Exposição de Cartoons | Foyer do Cineteatro António Lamoso

 

7 de Novembro 2015

11h00 - 16h00 – intervenção dos Palhaços D’Opital no Hospital São Sebastião

14h00 - 00h00 – Exposição de Cartoons | Foyer do Cineteatro António Lamoso

15h00 - 19h00 – Workshop Vamos Falar de Comédia! | Foyer Cineteatro António Lamoso

Joca | A entrada na comédia. Open mic. Técnicas básicas de construção de piadas e textos

Zé Pedro | Construção de persona, a interação com o publico

Joel Ricardo Santos | Das anedotas ao stand up comedy. A comédia musical

Jorge Rosado | A comédia de Clown e o humor físico

Hugo Sousa | Comédia na televisão e a gestão da carreira

João Moreira | Criação de material de comédia para TV e web. A comédia de nicho

22h00 – Espetáculo de stand-up comedy com Joel Ricardo Santos, Joca, Zé Pedro, Hugo Sousa e Herman José | Cineteatro António Lamoso

 

8 de Novembro 2015

15h00 - 19h00 – Exposição de Cartoons | Foyer Cineteatro António Lamoso

21h30 – Exibição do filme Gangsters Falhados | Auditório Biblioteca Municipal SMF

 

B Fachada, Pega Monstro e Norberto Lobo & João Lobo encerram cartaz do Cellos Rock 2015

B Fachada, Pega Monstro e Oba Loba, sexteto composto por Norberto Lobo e João Lobo, são os últimos nomes a juntar ao cartaz do Cellos Rock, encerrando assim as confirmações para a edição de 2015 do festival barcelense. Estas três novas confirmações juntam-se aos já anunciados Gala Drop, Filho da Mãe & Ricardo Martins e Glockenwise.MNOS-B Fachada.jpg

Considerado como um dos maiores cantautores nacionais do séc. XXI, B Fachada ocupa um lugar único na música portuguesa e a prova disso são os concertos esgotados e a admiração do público e da imprensa portuguesa. Já as Pega Monstro, duo rock formado pelas irmãs Júlia e Maria, tornaram-se num caso de culto nacional e o novo disco, “Alfarroba”, diz-nos isso mesmo. Outro culto da música nacional é Norberto Lobo, muito provavelmente um dos melhores e mais interessantes guitarristas da vanguarda portuguesa, que em Oba Loba se junto ao exímio baterista João Lobo e erguem um sexteto de respeito. A 20 e 21 de Novembro, sexta e sábado, respetivamente, Barcelos voltará a receber o melhor da nova música moderna portuguesa. Os bilhetes gerais custam 7 euros e os diários 5. À venda estão já os bilhetes gerais, podendo ser adquiridos no CCOB. Posteriormente serão colocados à venda os bilhetes diários. Face à capacidade da sala, aconselhamos a compra antecipada de ingressos.

 

Em 2014, o festival Cellos Rock mudou-se para uma nova casa, apresentando uma aposta no melhor da nova música moderna portuguesa, num line-up 100% nacional e esgotando por completo os dois dias do festival. Sensible Soccers, Sequin, Black Bombaim, Duquesa, Dreamweapon e Jibóia levaram mais de meio milhar de pessoas ao mais antigo festival de Barcelos, que se apresentou pela primeira vez no auditório do Círculo Católico de Operário de Barcelos (CCOB), espaço que o voltará a acolher em 2015. O festival Cellos Rock é uma organização da Associação Rock Na Barragem, com apoio da Câmara Municipal de Barcelos e da Casa da Juventude, e produção da promotora covilhete na mão. A curadoria artística está pelo quarto ano consecutivo a cargo de Ilídio Marques, jornalista e promotor cultural natural de Barcelos. A conceção gráfica está, também pelo quarto ano consecutivo, a cargo do ilustrador local Bruno Albuquerque

 

Fotografia: Paulo Homem de Melo

Sofa Surfers de regresso a Portugal...

Os Sofa Surfers regressam a Portugal dia 5 de Novembro para um concerto único na Casa da Música. Na bagagem, a banda austríaca traz o novo álbum, “Scrambles, Anthems and Odysseys”, que foi editado a 23 de Outubro. Sobre o esperado sucessor de “Superluminal”, o colectivo de Wolfgang Schlögl, Markus Kienzl, Wolfgang Frisch e Michael Holzgruber já fez saber que “é um álbum para o século XXI”: “É sobre o presente, o passado e o futuro. Lutamos por terra, alimentos e segurança. Cantamos hinos de amor, esperança e ódio. Estamos, quer se goste ou não, a viajar juntos e todos nós chegaremos, mais cedo ou mais tarde.”

sofa surfers.jpgEm “Scrambles, Anthems and Odysseys”, os Sofa Surfers permitem-se, mais do que nunca, sentir emoções de forma profunda. E talvez seja essa a maior revelação neste oitavo disco de originais, um conjunto de melodias corajosas e o compromisso assumido com as emoções. Cinco anos depois da passagem por Portugal, e de terem demonstrado grande vontade em visitar o nosso país, os Sofa Surfers tocam na Casa da Música naquele que será o terceiro concerto da tour de “Scrambles, Anthems and Odysseys” que arrancou em Viena de Áustria

 

Casa da Música – Sala 2 (Porto)

5 de Novembro 2015 | 22.00h

Ana Moura… "Dia de Folga" é o 1.º single do novo disco

Com estreia mundial marcada para hoje nas plataformas digitais e com distribuição em todas as rádios nacionais, "Dia de Folga" é o primeiro avanço do novo disco de Ana Moura. O tema, com música e letra de Jorge Cruz (Diabo na Cruz), está disponível aqui. Com edição prevista para o final de novembro, o novo disco de Ana Moura foi produzido por Larry Klein, com quem já havia trabalhado o anterior "Desfado", que atingiu, este mês, a marca de Quintúpla Platina. Canadiano, vencedor de 4 Grammys, Larry Klein produziu discos seminais de verdadeiras lendas da música, como Joni Mitchell e Herbie Hancock.

foto4-fbe9.jpgO novo álbum de Ana Moura foi gravado por Ângelo Freire na Guitarra Portuguesa e Pedro Soares na Viola de Fado, músicos portugueses que costumam acompanhar a artista ao vivo. Na lista encontramos ainda músicos internacionais de renome, cujas colaborações demonstram o seu talento e versatilidade: Dan Lutz no Baixo, já gravou com Lizz Wright e Michael Bublé; Dean Parks nas Guitarras, participou nas gravações de estúdio de artistas como Madonna, Stevie Wonder, Elton John e Diana Ross; Pete Korpela na Percussão, já trabalhou com Robbie Williams e Melody Gardot; Pete Kuzma nos Teclados, colaborou com Jill Scott e Lizz Wright; e o lendário Vinnie Colaiuta na Bateria, acompanhou durante décadas artistas como Frank Zappa e Sting.

 

Mas os nomes sonantes que participaram neste disco não ficam por aqui: as misturas do álbum foram divididas entre Tim Palmer (que misturou discos dos U2 ou The Cure mas sobretudo o mitíco álbum "Ten" dos Pearl Jam) e o arrojado Tchad Blake (que assina as misturas de discos clássicos como "El Camino" dos The Black Keys, "AM" dos Arctic Monkeys e, mais recentemente, "Songs of Innocence" dos U2). O 6.º álbum de estúdio de Ana Moura tem o selo de qualidade dos Henson Recording Studios (Hollywood, CA, USA) onde gravaram artistas como Paul McCartney, The Rolling Stones, Alicia Keys, Bruce Springsteen ou Justin Timberlake e dos The Village Studios (West Los Angeles, CA, USA) onde, por sua vez, gravaram os Aerosmith, Tori Amos, The Beach Boys, John Lennon ou Madonna.

Jack & Jack estreiam-se em Portugal em 2016

O duo pop rap Jack & Jack vai estrear-se em Portugal com dois espetáculos. A dupla irá atuar dia 7 de maio no Hard Club no Porto e no dia seguinte na Aula Magna em Lisboa. Jack Johnson and Jack Gilinsky tornaram-se conhecidos por todo o mundo graças aos vídeos publicados na conhecida aplicação Vine. Em 2014 concentraram toda a atenção na carreira musical e lançaram os temas que os fizeram angariar uma impressionante legião de fãs, como é exemplo "Wild Life” que atingiu o #2 na tabela do iTunes e o #87 na US Billboard Hot 100.

jackjack_main_2.jpg

photo: promo /DR

 

Hoje, Jack & Jack contam com mais de um milhão de singles vendidos, mais de 20 milhões de seguidores nas redes sociais, mais de 73 milhões de views no Youtube e com o lançamento do primeiro EP, “Calibraska”, que alcançou o #1 no iTunes e o #3 na tabela da Billboard de álbuns independentes.

A dupla encontra-se neste momento a gravar o disco de estreia que será lançado em 2016, a preparar-se para as digressões já esgotadas, que terão lugar em novembro na europa e em dezembro na América do Sul, e ainda a criar uma série original cómica que começará a ser gravada em janeiro do próximo ano.

 

Hard Club (Porto)

7 de Maio 2016

 

Aula Magna (Lisboa)

8 de Maio 2016