Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Glam Magazine

Glam Magazine

Festivais: Vodafone Paredes de Coura começa daqui a poucas horas…

A 22ª edição do Festival Paredes de Coura tem inicio daqui a meia dúzia de horas, mas o ambiente na vila já é de festa desde o passado Domingo. Este ano e à semelhança da edição de 2014, o festival inicia-se na vila 3 dias antes onde bandas nacionais “subiram à vila”.

Ambiente de festa durante 3 noites transfiguram o ambiente da vila minhota que uma vez por ano recebe “gentes” de todo o lado para o culto do festival que este ano esgotou antes de se iniciar.

paredes1.jpgSão 39 concertos ao longo dos 4 dias de festival, 6 concertos para o dia de hoje e 11 concertos por dia até sábado.

Os Tame Impala são de longe a banda que mais movimentou festivaleiros até Paredes de Coura. “Currents” é o disco que vão apresentar no palco Vodafone já amanha dia 20, curiosamente o primeiro dia a esgotar.
Para hoje, dia de estreia do festival, os TV On The Rádio prometem conquistar o público com o seu rock-pop agressivo e a voz cósmica, de Tunde Adebimpe.

Mas é ao som dos Portugueses Gala Drop com o seu psicadelismo dançavel que o festival arranca no palco Vodafone pelas 19 horas.

Pelo meio o regresso a Portugal das Slowdive, formadas em 1989, com o som “shoegaze”, consideradas uma das pedras basilares do indie britânico e do indie rock puro dos Ingleses Blood Red Shoes que trazem o seu disco homónimo de 2014 para cima do palco.

O rock duro e puro, na fronteira com o punk, dos americanos Ceremony, em homenagem aos Joy Division são os segundos convidados do dia, claramente numa linhagem diferente do resto do alinhamento

 

A noite vai terminar, como é habitual, ao som de ritmos dançáveis a cargo de DJ Fra pela 1.25h, o que antevê um concerto de apenas 70 dos TV On The Rádio.

 

Fotografia / Texto: © Paulo Homem de Melo

 

Produção do Curtas Vila do Conde em estreia norte-americana no Festival de Toronto

A curta-metragem “Noite Sem Distância”, de Lois Patiño, filmada em Portugal e produzida pelo Curtas Vila do Conde, será apresentada em estreia norte-americana no 40º Festival Internacional de Cinema de Toronto, que decorre entre 10 e 20 de setembro. O anúncio da seleção oficial foi feito esta tarde pelo festival.

LoisPatino.jpgDepois da estreia no Curtas Vila do Conde e da passagem pelo prestigiado Festival de Cinema de Locarno, “Noite Sem Distância”, do realizador galego Lois Patiño, será apresentada, em estreia norte-americana, no Festival Internacional de Cinema de Toronto. A curta-metragem integra a secção “Wavelengths”, uma mostra de filmes “avant-garde”, que apresentará também os três volumes de “As Mil e Uma Noites”, de Miguel Gomes.

 

Filmada na fronteira entre Portugal e Galiza, “Noite Sem Distância”, aborda as histórias daquela região, entre elas, o papel que o contrabando teve no desenvolvimento dos dois países. O filme, em negativo, conta com a participação de alguns habitantes da região que foram, inclusivamente, contrabandistas na juventude.

 

“Noite Sem Distância” é um dos filmes produzidos pela Curtas Metragens CRL, entidade responsável pelo Curtas Vila do Conde – Festival Internacional de Cinema, integrando, na equipa técnica, estudantes de cinema de audiovisual da região norte.