Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Glam Magazine

Glam Magazine

Discos: O “Futuro Eu” de David Fonseca

David Fonseca está de volta.

Davidfonsecavideo.jpg“Futuro Eu” é o single / vídeo lançado hoje como que de surpresa.

Surpresa quer pelo lançamento, quer pelo tema ser cantado em Português, algo que David Fonseca apenas fez num tema dos Silence 4 “Sexto Sentido” e no projeto Humanos “Adeus, Não Afastes Os Olhos dos Meus”

O músico de Leiria prepara o seu novo álbum e pela mensagem no tema prepara uma mudança na sua carreira.

O vídeo foi realizado pelo próprio David Fonseca e gravado no Museu José Malhoa nas Caldas da Rainha

Discos: Filipe Keil e o seu “Olá”

O segundo single de Filipe Keil, “Olá”, já esta disponivel desde o final do mês de março, sucedendo ao single de apresentação “Contigo”.

Sempre focado em explorar novas vertentes musicais, Filipe editou o seu primeiro EP, “Keil”, em novembro de 2014, através da editora Music In My Soul.

FilipeKeil_FotoPromocional.jpgFilipe Keil é o alter-ego de Tiago Batista

Natural de Chaves, onde nasceu em 1991, teve o piano como primeiro instrumento musical, logo aos 4 anos. Aos 12 anos atuou pela primeira vez, num festival infantil da sua cidade natal. Com 15 anos, participou na primeira edição do Festival RTP da Canção Júnior e, em 2013, já com a identidade Filipe Keil, foi finalista do programa “Factor X”.

Queen, Depeche Mode e até David Bowie são alguns nomes que mais o influenciaram e que, muito provavelmente, terão contribuído para a construção de uma identidade tão própria.

As baladas do seu EP de estreia caracterizam-se pelas batidas eletrónicas genuinamente Pop, que se fundem com a vulnerabilidade das mensagens, acompanhadas por piano e guitarra, evidenciando a sua procura entre um lado escuro e uma atitude mais excêntrica.

“Keil” evidencia, precisamente, esses opostos e é uma homenagem a todas as pessoas que marcaram e acompanharam o seu crescimento enquanto pessoa e artista.

 

Festivais: Mini NOS Primavera Sound 2015

Numa iniciativa inédita vai decorrer o primeiro festival dedicado ao público infantil.

B Fachada, Clã e Noiserv são alguns dos nomes presentes no próximo dia 24 de Maio no Parque da Cidade, Porto, na primeira edição do Mini NOS Primavera Sound.

Trata-se de um evento dedicado ao público infantil e claro aberto a toda a família com entrada livre.

mini nos.pngAlém dos concertos, o evento vai oferecer atividades didáticas sempre com a música como pano de fundo, com a presença da Casa da Guitarra, os Holly Nothing & Rui Monteiro, Melopeia e Misson Baquetas em “workshops”, jogos e as mais variadas experiências.

 

Igualmente estará disponível um Espaço Conforto, uma tenda onde país e filhos podem conviver e repousar abrigados do Sol.

Os carrinhos de bebés, triciclos e bicicletas podem ser deixados em segurança num “parque” criado para o efeito.

A partir das 14 horas do próximo dia 24 todos os caminhos vão dar ao Mini NOS Primavera Sound

 

Parque da Cidade (Porto)

24 maio 2015 | 14.00h

Agenda: “Wallflower” de Diana Krall ao vivo

Com 2 décadas de carreira, Diana Krall é um dos maiores ícones vivos do jazz. É a artista do género que mais vendeu até hoje, contabilizando-se o colossal número de 15 milhões de discos.

Para além dos créditos que o seu reportório acolhe, já produziu Barbra Streisand e foi directora musical e principal arranjadora do título “Kisses on the Bottom” (2012), de Paul McCartney.

diana_meo.jpgDe timbre contralto, canta com uma suavidade aveludada e encantatória, sobre notas de piano que maneja num virtuosismo candente e cristalino. Prodigiosamente iniciou-se nas teclas de marfim branco e preto aos 4 anos de idade, começando a tocar na sua cidade natal, Nanaimo (Canadá), ainda na adolescência.

Depois de estudar nos Estados Unidos, os concertos ganharam volume na Califórnia, onde viveu até ao início dos anos 90. De regresso ao país de origem, estreia-se com o álbum “Stepping Out” em 1993, disco de standards e clássicos do jazz. Desde então editou 12 álbuns, mais uma conjunto de registos ao vivo em DVD.

O último disco é incrivelmente surpreendente e com ele iniciará uma digressão europeia nos últimos meses deste ano.

Chama-se “Wallflower”, título inspirado num tema de Bob Dylan, constituindo-se de canções originalmente pop (e algumas também folk), de bandas e artistas que a acompanharam na adolescência tais como Eagles, Elton John, The Mamas & The Papas, entre outros.

"Wallflower" inclui igualmente participações de Michael Bublé e Bryan Adams, responsável pela fotografia de capa do disco, um inédito de Paul McCartney e é produzido por David Foster, o multi-galardoado compositor/produtor e actual responsável da Verve.

No MEO Arena, o novo registo de Diana Krall, sempre com um sabor jazzy, será o grande destaque de uma noite inesquecível, a 24 de Setembro.

 

MEO Arena (Lisboa)

24 setembro 2015

A Música e a pintura de Mallu Magalhães

Mallu Magalhães, cantora de guitarra na mão, e voz suave, é assim que se conhece a principal voz da Banda do Mar, o seu mais recente projeto.
Mas Mallu não é só cantora. Desde sempre acompanhou os seus trabalhos musicais com ilustrações.
Já assinou capas de discos de alguns cantores Brasileiros e inclusive já colaborou com colecções de roupa.
Segundo a cantora em entrevista ao P3, desenhar não é apenas um hobby, é igualmente “um refúgio, um paraíso”. "Não vejo o tempo passar quando pinto ou desenho."

banda do mar - ovar.jpgQuando abraçou o projecto Banda do Mar, juntamente com o seu marido Marcelo Camelo (Los Hermanos) e o português Fred Ferreira (Orelha Negra, 5-30), a jovem de 23 anos ficou responsável pela identidade visual do colectivo, inclusive do "merchandising". "Foi um presente que os meninos me deram".

Nos cartazes que tem feito para anunciar concertos quer em Portugal e no Brasil tenta "traduzir a alma da banda", através de referências vistas em revistas, livros, dos locais onde se realiza o concerto, enfim "na vida". "Procuro elementos que vibrem na mesma sintonia do nosso trabalho”

A Banda do Mar é acima de tudo um "encontro de amigos", um prolongamento quase involuntário de uma amizade a três, um grupo musical guiado por um "espírito mais desarrumado", impulsionado também pela mudança do casal brasileiro para Lisboa.
Entretanto, apareceu uma digressão portuguesa com salas esgotadas, que arranca agora com novas datas a começar em Ovar, e uma outra brasileira que terminou no final do mês de abril, com iguais números.
O álbum, editado em 2014, uniu assim o Atlântico, com um conjunto de canções simples e cheias de “sol”. "Sabíamos que um encontro destes teria o seu espaço e visibilidade, mas não imaginamos tanto!", "Claro que a maioria do público já nos conhecia, mas há uma nova parcela que não conhecia nem os trabalhos a solo, nem os Los Hermano ou os Orelha Negra, e que acaba sabendo da Banda e curte o som. Isso é muito gratificante: ver que a Banda já criou sua vida própria e trilha o seu próprio caminho."

banda do mar - braga.jpgbanda do mar - ff.jpgbanda do mar - cb.jpg

A segunda parte da digressão da Banda do Mar em Portugal arranca já esta sexta feira dia 15 em Ovar. Dia 16 a Banda do Mar sobe ao palco em Braga. Dia 23 é a vez de se apresentar na Figueira da Foz e termina o mês de Maio em Castelo Branco no dia 30.
Junho faz parte do alinhamento do NOS Primavera Sound e em Julho é presença confirmada em Lisboa no Super Bock, Super Rock.

banda do mar - nos.jpg

 

Festivais: NOS Primavera Sound 2015

A pouco mais de 3 semanas do primeiro “grande” festival de verão, NOS Primavera Sound 2015, vamos nos próximos dias mostrar o que a edição de 2015 promete apresentar.

nos_ps2015.pngNo dia 4 de Junho os americanos Interpol são o grande nome da noite, mas os canadianos Caribou, a britânica FKA Twings e o canadiano Mac Demarco prometem uma grande noite. O português Bruno Pernadas marca igualmente presença no 1º dia do festival e teremos a oportunidade do primeiro contato com Patti Smith num concerto acústico (spoken).

 

Dia 5 três grandes nomes anunciados provenientes dos Estados Unidos, Antony & The Johnson, The Replacements e Patti Smith & Band.

Se estes três nomes dispensam apresentações, os britânicos Belle & Sebastian, o duo americano Run the Jewels, o sueco, repetente, de ascendência argentina, José Gonzalez e a luso-brasileira Banda do Mar são igualmente apostas fortes da organização do festival para o segundo dia.

A juntar estes nomes um conjunto de grande outros nomes, embora menos “falados” prometem ficar na história recente do festival, como o caso dos Ariel Pink e a sua pop descontraída, ou a Libanesa Yasmine Hamdan que promete ganhar uma legião de fãs em Portugal.

 

O terceiro e ultimo dia do festival anuncia como destaques os britanicos Ride e Underworld.

Num dia em se cruzam diversos estilos musicais pelos vários palcos, a variedade é grande desde os americanos Death Cab for Cutie ao português Manel Cruz, do folk irlandes de Damien Rice aos alemães “industriais” Einstürzende Neubauten e ao “punk” das americanas Babes in Toyland.

Como no segundo dia a juntar a estes nomes apresentam-se em palco mais de uma dezena de outros artistas entre os quais os repetentes Shellac

Um cartaz para conhecer nos próximos dias.....

 

NOS Primavera Sound 2015

Parque da Cidade (Porto)

4 a 6 de junho

 

Texto: Paulo Homem de Melo

Festivais: EI!!! Marionetas

EI!!! Marionetas - Encontro Internacional de Marionetas - Gondomar 2015

Será hoje apresentado, pelas 15.00h na Casa Branca de Gramido em Gondomar o EI!!! Marionetas

ei.jpgO EI!!!, que decorrerá entre 4 e 7 de junho, resulta de uma parceria entre a companhia Teatro e Marionetas de Mandrágora e o Município de Gondomar, que acolhe companhias internacionais vindas de Itália e Espanha, bem como uma vasta programação de companhias de marionetas nacionais, com apresentações de sala e rua, exposições, conversas, feiras, mostras e concertos.

 

Mais informações em breve.