Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Glam Magazine

Glam Magazine

Agenda: Maria Bethânia comemora 50 anos de carreira com concertos nos coliseus

“Abraçar e agradecer” é o espetáculo que Maria Bethânia traz a Portugal no próximo mês de maio. Dia 24 a cantora brasileira atuará no Coliseu do Porto e dia 27 no Coliseu de Lisboa. Os concertos inserem-se no âmbito da comemoração dos 50 anos de carreira da artista, que se estreou em 1965, no Teatro Opinião, em Copacabana.

maria_bethania1.jpgHá 50 anos, com a companhia de Zé Keti e João do Vale em palco, Maria Bethânia marcaria para sempre o cenário musical brasileiro. A sua voz, presença, criação e amor, atravessaram meio século e conquistaram para sempre um lugar como uma das maiores e mais produtivas intérpretes brasileiras.

 

O espetáculo “Abraçar e agradecer”, que comemora este longo percurso de Maria Bethânia, conta com a direção e cenografia de Bia Lessa, diretora dos seus últimos espetáculos “Carta de Amor”, “Amor Festa” e “Devoção e Dentro do Mar tem Rio”.

O desenho de luz é assinado por Binho Schaefer e a coordenação e produção musical é de Guto Graça Mello, produtor responsável por álbuns marcantes da carreira da artista como “Ciclo” (1983) e “As Canções que você fez pra mim” (1993).

A banda que a acompanha conta com Jorge Helder (maestro e contrabaixo), João Carlos Coutinho (piano e acordeão), Paulo Dafilim (violas e violão), Pedro Franco (violão, bandolim e guitarra), Marcio Mallard (violoncelo), Pantico Rocha (bateria) e Marcelo Costa (percussão).

maria_bethania2.jpgMaria Bethânia irá cantar músicas de todos os tempos e outras, compostas especialmente para ela nesta comemoração dos seus 50 anos de carreira por Paulo Cesar Pinheiro, Dori Caymmi e Chico Cesar, serão apresentadas pela primeira vez. A artista narrará textos de Wally Salomão, Clarice Lispector e Carmem Oliveira, além de apresentar compositores novos e uma versão inédita feita especialmente para ela por Nelson Motta. Não ficarão de fora músicas do repertório do seu último disco “Meus Quintais”, como “Dindi” (Tom Jobim e Aloysio de Oliveira), “Xavante” (Chico César), “Casa de Caboclo” (Paulo Dafilim e Roque Ferreira) e "Uma Iara" (Adriana Calcanhotto e Cid Gomes), além de canções inesquecíveis de compositores que marcaram a sua carreira como Caetano Veloso, Chico Buarque, Caymmi, Gonzaguinha, Roque Ferreira e Paulo César Pinheiro.

maria_bethania3.jpgSe 2014 foi um ano prodigioso, em que lançou o álbum “Meus Quintais” e o documentário “(O vento lá fora)”, com leituras de poemas de Fernando Pessoa ao lado da professora Cleonice Berardinelli, o ano de 2015 promete.

Além de comemorar os seus 50 anos de carreira com esta digressão, Maria Bethânia será homenageada com o Prêmio da Música Brasileira no dia 10 de junho, no Theatro Municipal do Rio, com direção de José Maurício Machline, e lançará o livro da leitura “Bethânia e as Palavras” pela UFMG.

 

Coliseu do Porto

24 de Maio | 21.30h

 

Coliseu de Lisboa

27 de Maio | 21.30h

Discos: DJ Marfox… “Revolução 2005-2008”

“Revolução 2005-2008” traça um retrato fiel do vibrante período inicial do produtor, à época largamente desconhecido do grande público.

Cada vez mais reconhecido e recomendado como um dos valores incontornáveis da música de dança electrónica contemporânea, quer pela crítica musical lusófona, europeia e norte-americana, tendo sido entrevistado pela Rolling Stone, como um dos novos talentos a acompanhar, quer por uma base sólida de melómanos nacionais e internacionais que abraçaram entusiasticamente a inovação e frescura oferecida por Marfox aos códigos testados e gastos do House e Techno do mundo ocidental.

Marlon Quintas dos Santos e Silva nasceu em Portugal em 1988, sendo um orgulhoso descendente de pais naturais de São Tomé e Príncipe.

djmarfox_revolucao.jpgTendo adoptado desde novo o nome Marfox, a partir de uma brincadeira partilhada de crianças "viciadas" no videojogo 'Starfox' da Nintendo, cedo se destacou como uma referência vibrante na malha suburbana dos guetos de Lisboa, onde também cresceu, através das suas realizações personalizadas de Batida (nome dado ao instrumental do Kuduro) e Tarraxinha.

Tido reconhecidamente como um dos produtores pioneiros da música Afro-Portuguesa do novo século e dos seus mais respeitados embaixadores, Marfox foi inicialmente inspirado pelo movimento do Kuduro Angolano que chegava a Portugal a partir do início da década de 90.

A colecção de temas reunida pela primeira vez em formato digital e físico mostram-nos os anos formativos do jovem, antes do estatuto internacional que entretanto conquistou, quando a partir do seu quarto na Quinta da Vitória, na Portela de Sacavém, onde os criou e produziu e sonhava um dia poder vir a viver da sua música.

Os temas foram produzidos e gravados por DJ Marfox entre 2005 e 2008, no seu quarto na (B18) Quinta da Vitória, Portela de Sacavém.

 

Edição: Nos Discos (Março 2015)

Agenda: Thurston Moore c/ Debbie Googe e James Sedwards

Thurston Moore regressa a Portugal mais uma vez para um concerto muito especial e com convidados de luxo.

Com Debbie Googe dos My Bloody Valentine (baixo) e James Sedwards (guitarra) irão apresentar um concerto único, mais livre do que aquele que irão apresentar na sua tour enquanto banda.

Thurston Moore.jpgO concerto esta agendado para 7 de Junho de 2015 em Lisboa na ZDB

 

Thurston Moore (voz e guitarra eléctrica), Debbie Googe (My Bloody Valentine)(baixo) eJames Sedwards (guitarra eléctrica)

Thurston Moore foi um dos fundadores e líder dos Sonic Youth, banda formada em 1981. A banda viria a terminar em 2011 seguindo Thurston Moore e Lee Ranaldo carreiras a solo

Foi considerado pela revista Rolling Stone o 99º melhor guitarrista de todos os tempos

 

Fotografia: Paulo Homem de Melo

Agenda: Bob Sinclar…. em Leiria

Depois de David Guetta ter agendado um “concerto” para o Algarve em Agosto agora é Bob Sinclar que surge integrado no festival Leiria Dancefloor, que irá decorrer no dia 7 de Agosto no Estádio Municipal de Leiria.

bob.jpgÉ o regresso de Sinclar a Portugal para animar o Verão de Leiria.

 

Bob Sinclar, nome artístico de Christophe Le Friant, é um DJ e produtor musical francês nascido em 1967.

É um dos DJs com maior popularidade na Europa. Bob Sinclar é um pseudônimo retirado do filme francês de espionagem chamado "Le Magnifique", dirigido por Philippe de Broca.

A sua carreira como DJ começou em 1986.

Agenda: Moonspell…. Extinct....

Os Moonspell vão apresentar o novo disco de originais, “Extinct”, com dois concertos, em Lisboa e no Porto.

A banda liderada por Fernando Ribeiro, vai subir ao palco do Coliseu dos Recreios em Lisboa já no próximo dia 27 de março e no dia seguinte, 28 de março, o grupo ruma ao Porto, para uma atuação no Hard Club.

Os Septicflesh são a banda responsável pela primeira parte de ambos os espetáculos.

Moonspell1 (Cópia).jpgCom mais de 20 anos de carreira, os Moonspell contam no seu currículo com 10 álbuns de originais, um DVD, um disco ao vivo e várias digressões e concertos que reuniram milhares de fãs por toda a Europa, Ásia, América e África. Provas contundentes do seu sucesso são os prémios que aglomeraram ao longo dos anos. Nestas duas décadas os Moonspell assumiram-se perante o público e a crítica com uma das forças motrizes mais respeitadas do Metal Gótico mundial, tornando-se na banda Portuguesa mais internacional de sempre.

"Extinct" traz de volta o ambiente rock obscuro, enchendo os ouvidos de uma emoção negra, quase desesperada mas redentora, que não deixará os fãs indiferentes.

Os autores desta lição são os lobos, os Moonspell, dos últimos pioneiros do estilo ainda em actividade plena, contemporâneos dos grandes nomes que se foram extinguindo, e capazes de vender a alma ao lado negro com cada disco que escrevem e editam.

O disco foi produzido por Jens Bogren (Katatonia, Amon Amarth, Opeth and Paradise Lost) no ilustre Fascination Street Studio, entre Estocolmo e Orebro.

Moonspell0 (Cópia).jpg

Os Moonspell irão contar com os Bizarra Locomotiva como convidados especiais no Coliseu de Lisboa. O concerto receberá em palco, antes da atuação dos Septicflesh, o grupo português de metal industrial. Os Bizarra Locomotiva vão assim apresentar o seu mais recente disco de estúdio, de 2015, “Mortuário”.

 

Fotografias: Paulo Homem de Melo

Os anos de bailado e natação acabaram….

A banda de Braga, Mundo Cão acaba de anunciar na sua página do facebook o “fim” da banda

”Comunica-se a todos os amigos, que a actividade de Mundo Cão está suspensa por tempo indeterminado. A todos o nosso sincero agradecimento por nos acompanharem nestes anos tão felizes. Até um dia destes.” É a mensagem publicada na rede social hoje 23 de Março.

mundo.jpgA banda constituída por Miguel Pedro (bateria e sampler), Vasco Vaz (guitarra e teclados), Canoche (baixo), Budda (guitarra) e Pedro Laginha (voz) editou o seu último disco em 2013, “O Jogo do Mundo”

Formados em 2001 a banda contou desde o inicio com a preciosa ajuda de Adolfo Luxúria Canibal (autor do nome da banda e das letras), gravam o primeiro disco em 2007 e, nesse ano, fazem mais de 30 concertos, com participações nos festivais Super Bock Super Rock, Paredes de Coura, Live Earth entre outros.

O segundo disco, “A Geração da Matilha”, vem consolidar a banda no panorama musical português e conta com Adolfo Luxúria Canibal e Valter Hugo Mãe como autores das letras

 

Fotografia: Edgar Keats

Porto. Dia Nacional dos Centros Históricos

Mais de 60 atividades, muitas delas gratuitas, entre as quais visitas guiadas a monumentos, circuitos pelas ruas históricas, passeios de barco no rio Douro, feiras, exposições, workshops, filmes para os mais novos, oficinas pedagógicas e mercados de rua, vão celebrar o Dia Nacional dos Centros Históricos, no Porto, a 28 de março, entre as 9h00 e as 24h00.

Desde 2008 que o Porto aderiu à iniciativa Dia Nacional dos Centros Históricos, associando-se às celebrações promovidas pela Associação Nacional de Municípios com Centro Histórico.

Um dia dedicado ao Centro Histórico do Porto, classificado em 1996 como Património Cultural da Humanidade, no qual é dirigido a todos um convite para que visitem este lugar repleto de História.

DIA_NACIONAL_CENTROS_HISTÓRICOS.jpg

 Aqui fica o vasto programa do evento. Mais informações no site da Porto Lazer

 

Animação de Rua:

Teatro de Rua / Performance: O Artista Está Presente

15:00 - 18:00 / Iniciativa deambulatória (Sé, Estação de S. Bento, R. das Flores, Lg. de S. Domingos, Clérigos)

 

 

Música / Dança:

Sonoridade do Órgão de Tubos da Igreja da Misericórdia do Porto

12:15-13:00 | 16:15-17:00 / Igreja da Misericórdia do Porto

(Apontamento musical no órgão de tubos da Igreja da Misericórdia do Porto, construído por António José dos Santos, em 1888, que integrou partes de um anterior)

 

Concerto Asociación Cultural Banda de Música Liceo La Paz - Coruña

16:00-17:00 / Praça da Ribeira

 

DJs Set - Shake That Street

Swing Station

16:00-20:00 / Av. D. Afonso Henriques (junto à Metamorfose – Estação de S. Bento)

parapente.jpgDuo Parapente 700

Fundação da Juventude

17:00-17:45 / Palácio das Artes, Lg. de S. Domingos

(Duo Parapente 700 é um concerto de violino, concertina e voz, interpretado por Denys Setsenko e Eva Parmenter, da Associação Cultural InSpiritum. O Duo nasceu do improviso musical e de encontros espontâneos num microclima de chão dançante fundem experiências de universos distintos).

 

Milongas de Rua - Escola Lição de Tango

17:15-18:30 / Praça da Ribeira

 

Recital de Guitarra Clássica

17:30-18:30 / Igreja de S. José das Taipas, Campo dos Mártires da Pátria

Concerto de Guitarra Clássica por Ricardo Brito, onde o reportório será composto por peças de Bach, Tarrega, Brouwer, Guiliani, Carcassi, Sor, entre outros. Guitarrista clássico de renome, com múltiplas masterclasses de Pedro Rodrigues e Dejan Ivanovic).

.

DJ Set - Ludovic

20:00-23:00 / Av. D. Afonso Henriques (junto à Metamorfose–Estação de S. Bento)

Balla-72.jpgPorto Sounds - Balla

23:00-00:00 / Lg. Da Estação de S. Bento (entrada pela Rua da Madeira)

 

DJ Set - Maria Gambina

00:00-02:00 / Lg da Estação de S. Bento (entrada pela Rua da Madeira)

 

 

Debate:

Um objeto e seus discursos por semana: Taça Ming

18:00-19:00 / Casa Museu Guerra Junqueiro

(O fascínio pelo Oriente toma forma numa taça de porcelana chinesa, da dinastia Ming, período Wanli (1573-1619), pelo fino fabrico e decoração a azul-

cobalto sob vidrado. Peça ainda invulgar numa Europa rendida aos novos consumos, que se aprimorava na arte de bem receber, será mote à conversa entre um promotor da culturachinesa e um atento colecionador e amigo do Oriente. Convidados: João Amorim, Álvaro Sequeira Pinto, Ana Clara Silva.)

 

 

Exposição:

Exposição de Artes Plásticas Intermédia

10:00-17:00 / Palácio de Belmonte, R. de Belmonte

(Trabalhos de alunos finalistas do curso de Artes Plásticas Intermédia da ESAP).

 

Artes e Talentos 2015

10:00-19:00 / Palacio das Artes, Lg. de S. Domingos

(A Exposição "Artes e Talentos 2015" mostra os projetos vencedores no concurso "Artes e Talentos 2015", promovido pela Fundação da Juventude. As propostas em exposição são as que melhor se enquadram no Palácio das Artes enquanto edifício histórico, localizado em pleno Centro Historico do Porto, podendo ser propostas individuais ou coletivas, nas áreas da Pintura, Escultura, Fotografia, Gravura, Instalação, Arquitetura e Design.Haverá uma cerimónia de inauguração oficial às 17h)

 

Vinho do Porto no Humor Mundial

17:30-19:00 / Museu do Vinho do Porto, R. de Monchique

(Inauguração da exposição temporária "Portocartoon - O Vinho do Porto no Humor Mundial", em parceria com o Museu Nacional da Imprensa. A mostra reúne cartoons sobre o maior "embaixador" português. Foi este o mote para que cartonistas de todo o mundo ligassem o bom vinho ao "bom humor".

A exposição ficará patente até ao dia 30 de abril de 2015)

 

 

Mercados Urbanos:

Mercado Cedofeita Viva

09:00-19:30 / Zona Pedonal de Cedofeita e Miguel Bombarda

Banca Solidária

10:00-18:00 / Entrada da Igreja da Misericórdia do Porto, R. das Flores

Artesanato e Afins in Douro

10:00-20:00 / Cais da Ribeira

Mercadinho dos Clérigos

10:00-20:00 / R.Cândido dos Reis

Mercado Porto Belo

10:00-18:00 / Pç. Carlos Alberto

Urban Market by Portugal Lovers Especial DNCH

11:00-19:00 / Pç. das Cardosas

(O Urban Market é um evento direcionado para empreendedores, criativos, marcas,designers, arquitetos, comércio tradicional e artesãos promoverem os seus trabalhos e os seus espaços. Integramos neste evento várias áreas, desde o design de produto ao design moda, mobiliário, às artes, joalharia, passando pelo hairstylist com os Anjos Urbanos Cabeleireiros, à música, petiscos regionais e vinho. Assume um papel crucial na estratégia de promoção de uma marca, uma vez que funciona como uma montra sobre a oferta a

tual e, permite identificaras necessidades principais e os nichos de mercado com probabilidades de sucesso. Torna-se assim um meio económico para fazer negócios e lançar produtos no mercado, uma vez que proporciona ao expositor, uma aproximação “cara a cara” com potenciais compradores nacionais e internacionais)

FleaMarket Porto

12:00-19:00 / Passeio das Virtudes

Mercado de Arte (1.ª Edição)

11:00-18:00 / Sé - Largo do Redondelo

 

 

Oficina / Workshops:

As Transformações do Tempo

10:00-13:00 / Palácio das Artes, Lg. de S. Domingos

(Esta oficina de introdução à expressão dramática tem por objetivo desenvolver na criança a sua capacidade de interpretação e representação de emoções e personagens, através da utilização do movimento e da palavra. No final, haverá a apresentação de um pequeno espetáculo aos pais).

 

Consultório no Arquivo - The Archive advises

10:00-11:00 | 11:30-12:30 | 15:00-16:00 / Arquivo Distrital do Porto, R. das Taipas, 90.

(Tem documentos antigos, fotografias ou álbuns de família que gostaria de conservar?

Quer tratar o seu arquivo pessoal e não sabe como? Gostaria de esclarecer algumas dúvidas com técnicos especializados das áreas de arquivo e conservação e restauro? Pretende obter informações sobre os materiais mais adequados para o acondicionamento de documentos?)

 

O Azulejo no Centro Histórico do Porto: Oficina de Conservação

10:00-17:00 / Pç. da Ribeira

 

Vem Navegar pelo Museu - Museu do Vinho do Porto

10:30-12:00 / Museu do Vinho do Porto, R. de Monchique

(Oficina de construção de barcos rabelos com material reciclado).

 

O Aprendiz do Boticário - Museu do Centro Hospitalar do Porto

15:00-16:00 / Hosp. Sto.António, Lg. Prof. Abel Salazar

(A farmácia do antigamente e o remédio no jornal! Um desafio à criatividade publicitária)

 

 

Teatro:

Nove ́s Fora - Teatro Nacional de S. João

(16:00-17:00 / Mosteiro de S. Bento da Vitória, R. de S. Bento da Vitória

A matemática vai ao circo e o circo descobre que vai bem com a matemática, e este é apenas o início da história de uma bela amizade.

Nove’s Fora é uma prova dos nove, um teste de validade à convivência de dois mundos aparentemente tão distantes. Brincar com a matemática, e brincar é uma coisa muito séria, foi o caminho escolhido para pôr num palco a imaginação e a poesia que a matemática tem dentro dela. Em Nove’s Fora, os algarismos cruzam-se com malabarismos e os sólidos geométricos prestam-se a exercícios de equilibrismo. Chega-nos pelas mãos da Erva Daninha, companhia que vem praticando um circo contemporâneo, que vai buscar ao teatro, à dança e à vida de todos os dias os alicerces para construir lugares de prazer e perícia, de magia e risco. Tudo somado e contado, um espetáculo para todos os miúdos e para todos os graúdos)

o que.jpgO Que é Que o Teu Pai Não Te Contou da Guerra? - Teatro Nacional de S. João

21:00-22:15 / Teatro Carlos Alberto, R. das Oliveiras

(A guerra já se tinha atravessado no caminho do dramaturgo Fernando Giestas e do encenador Rogério de Carvalho em Sangue na Guelra (2013). Com o que é que o pai não te contou da guerra? Regressam ao tema, que é aqui o pretexto para colocar em movimento a história da catarse de uma relação. O filho confronta o passado do pai, um antigo combatente, procurando saber quais os “silêncios” e os “estrondos” que permanecem depois da guerra. Esse questionamento vai conduzi-lo a uma viagem ao interior de si mesmo, a uma reflexão sobre a sua existência, à construção da sua própria memória. o que é que o pai não te contou da guerra? É um espetáculo sobre a memória como luta e sobre a História como narrativa. Convoca traços, vozes, tensões e emoções de homens em contexto de guerra, de todas as guerras, sem perder de vista a Guerra Colonial (1961-1974), ferida aberta no imaginário e no corpo do Portugal contemporâneo. Mas daqui não resultará um objeto cénico com pretensões documentais. A sua ambição é outra: construir, com “palavras estropia das”, “cabeças em pesadelo” e “corpos em sofrimento”, um itinerário de “carne, poesia, sangue, cena”)

 

Visita Guiada Exterior:

SideRide by Porto Tours

10:00-11:00 | 14:30-15:30 / Junto a Torre Medieval

(Uma viagem em side car, pelo centro histórico. Uma experiência diferente e divertida de conhecer a alma do Porto).

 

Arte Pública no Centro Histórico

10:00-12:00 / Ponto de encontro: junto à Estátua do Infante D. Henrique, Pç. do Infante D.Henrique

(Pretende-se através de um percurso cultural dar atenção às obras de arte instaladas no Centro Histórico do Porto através dos seus autores, seus conteúdos e significados)

 

Oporto ́s Downtown: Fold n ́Visit by Porto Tours

10:00-13:00 (PT) | 14:00-17:00 (EN) / Ponto de Encontro: R. Alferes Malheiro

(A cidade do Porto, num contexto de cultura e património histórico, dispõe de um leque de património edificado, classificado pela UNESCO (1996), para os olhos mais curiosos que vêm a História, Arte e Arquitetura como grandes faróis a nível europeu.Neste circuito turístico, poderá desfrutar de um Porto que envolve uma miscelânea heterogénea de imóveis de estilos barroco, rococó e neoclássico, imperdíveis. Mergulhe connosco num clássico passeio pelos principais pontos de interesse, onde a máquina fotográfica será o seu utensílio para fotografar paisagens memoráveis do Douro, da Ponte D. Luís I, da própria Ribeira e das gentes que contribuíram para o bem-estar desta metrópole urbana).

 

Camilo Castelo Branco: Literatura e Ómega

15:00-18:00 / Lg. Amor de Perdição - Ponto de Encontro: Edif. da Antiga Cadeia da Relação do Porto

(Inserida no ciclo comemorativo dos 190 anos do nascimento e dos 125 anos da morte de Camilo Castelo Branco organizado pelo Centro Português de Fotografia e pela Venerável Irmandade de Nossa Senhora da Lapa, será realizada uma visita guiada, com início no Edifício da Antiga Cadeia da Relação do Porto e que terminará no Cemitério da Lapa)

 

Da Vitória à Ribeira

15:30-17:30 / Ponto de Encontro: Entrada Centro Português de Fotografia, Lg. Amor de Perdição

(Visita Guiada pelo Arquiteto Francisco Sousa Rio)

 

Das Árvores ao Rio: Visita Interpretativa à Envolvente da Alfândega

15:30-17:30 / Ponto de Encontro: Passeio das Virtudes

(Visita interpretativa desde o Passeio das Virtudes até à Alfândega, descendo degraus com perspetivas do passado mas também de futuro. Como seria a vista da cidade há 150 anos atrás? A imagem do casario em cascata mantem-se desde quando? E a nave ferroviária da Alfândega, quantas locomotivas conseguiria albergar? Poderá ser Miragaia um cais para a cidade? Que barreiras nos separam do rio? Uma visita que nos trará as perspetivas histórica e arquitetónica de uma zona marcada pelo passado, mas com ânsia de futuro).

 

O Edifício Neoclássico do Hospital de Santo António

16:00-17:00 / Encontro: Entrada Museu do Centro Hospitalar do Porto, Lg. Prof. Abel Salazar

(Visita orientada ao edifício Monumento Nacional Hospital de Santo António).

 

O Colégio de S. Lourenço

Museu de Arte Sacra e Arqueologia do Seminário Maior de N.ª S.ª da Conceição

10:00-18:00 / Igreja de S. Lourenço - Lg. do Colégio

 

A Irmandade e as Almas do Purgatório

10:30-11:45 / Igreja de S. José das Taipas, Campo dos Mártires da Pátria

(Uma Igreja esquecida no tempo, onde a história da Irmandade das Almas de S. José das Taipas e a sua ligação com as almas do purgatório é desvendada. Visione e percecione o sufrágio da Ponte das Barcas, ilustrado de forma descritiva no quadro original, que esteve no "memorial das alminhas da ponte", na Ribeira. Visita à Capela, Corpo da Igreja e zona museológico)

 

Arquivo Distrital do Porto

10:30-12:00 | 15:00-16:30 / Arquivo Distrital do Porto, R. das Taipas, 90.

 

 

Visita Guiada:

A Botica do Hospital Real de Santo António

10:00-10:30 / Hospital de Sto. António, Lg. Prof. Abel Salazar

(Oportunuidade para conhecer a botica oitocentista integrada na frontaria do edifício Monumento Nacional Hospital de Santo António e descobrir as correntes terapêuticas da época).

 

Palácio da Bolsa Stock

10:00-10:30 (PT/ FR) | 15:00-15:30 (PT/EN) / R. Ferreira Borges

(Situado bem no centro comercial da cidade antiga, classificada pela Unesco como Património Mundial, é um belo espécime arquitetónico do estilo neoclássico, dos mais notáveis do País. Destaque para as suas belas salas entre as quais a esplendorosa Sala Árabe, de estilização Mourisca).

 

O Edifício Histórico da Reitoria da U.Porto e a sua Área Envolvente

10:00-11:00 / Edifício Histórico da U. Porto/Reitoria, Pç. Gomes Teixeira

(Visita guiada ao edifício da Reitoria da Universidade do Porto e à área exterior envolvente. No interior do edifício poderão observar as pinturas de Veloso Salgado)

 

Visita Orientada - Casa do Infante

15:00-16:00 / Casa do Infante, R. da Alfândega, 10

(A Casa do Infante proporciona uma visita orientada a este Monumento Nacional)

 

De Passagem para o Centro Histórico

15:00-16:00 / R. de Monchique

(Visita orientada à exposição permanente do Museu do Vinho do Porto onde se destaca a importância que o vinho teve para o desenvolvimento da cidade que lhe dá o nome).

 

A Igreja de S. José das Taipas e os seus Segredos

15:00-16:30 / Igreja de S. José das Taipas, Campo dos Mártires da Pátria

(Igreja encerrada durante décadas, que reabre as suas portas desvendando as suas maravilhas e segredos. Deixe-se conduzir por uma visita pedagógica, onde o sentido religioso e arquitetónico se fundem, preservando nas suas paredes, talha dourada e alfaias as vivências e costumes de uma época. A visita contempla a Sacristia/Capela, Corpo da Igreja, Zona museológica e Catacumbas).

 

Igrejas e Capelas do Centro Histórico do Porto

15:00-18:00 / Capela dos Alfaiates

(Igrejas: Congregados, Vitória, S. Bento da Vitória, S. João Novo, S. Nicolau, Sto. Ildefonso e Sé. Visitas guiadas por estudantes dos cursos de Turismo da ULP e ISCET)

 

Marionetas e Paisagens

16:00-17:00 / Museu das Marionetas do Porto, R. das Flores, 22

 

 

Visitas Livres:

Torre dos Clérigos | Visita à Igreja, Torre e Centro de Exposições

09:00-19:00 / Torre dos Clérigos, R. de S. Filipe de Nery

(Visita à Igreja, à Torre e ao Centro de Exposições dos Clérigos).

 

A Farmácia Hospitalar

10:00-18:00 / Hospital de Sto. António, Lg. Prof. Abel Salazar

(Botica oitocentista do Hospital Real de Santo António e a farmácia de oficina do Hospital Joaquim Urbano).

 

Igreja da Misericórdia do Porto

10:00-18:00 / Igreja da Misericórdia do Porto, R. das Flores

(Situada na Rua das Flores, a Igreja da Santa Casa da Misericórdia é um dos exemplares mais notáveis da arquitetura portuense. O atual edifício é resultado do compromisso entre o templo maneirista, edificado em finais do século XVI, e a solução barroca, de acordo com a proposta do pintor – arquiteto Nicolau Nasoni. O interior do templo apresenta diversas expressões artísticas, respeitantes a várias épocas).

 

 

Gileno Santana e as suas Metamorphosis

Muitos conhecem Gileno Santana como lead trompetist da Orquestra Jazz de Matosinhos.

Muitos conhecem Gileno Santana como um dos responsáveis pelos brilhantes arranjos de metais de trabalhos de nomes como Pedro Abrunhosa, Expensive Soul, entre tantos outros. Gileno Santana é, em suma, um dos melhores compositores e trompetistas da actualidade.

gilenosantana.jpgCom apenas 26 anos, este brasileiro radicado em Portugal, prepara-se agora para dar o grande passo na sua carreira em nome próprio.

 “Metamorphosis” é o álbum intimista onde não só mostra todo o seu virtuosismo como músico e intérprete Jazz, como demonstra uma sensibilidade e criatividade desconcertantemente pop como compositor. Pop Rock Jazz ou Jazz Pop Rock? “Metamorphosis” é o conjunto de temas que mostra um artista seguro da sua identidade e à vontade no seu estilo inconformado.

"I'm Not Miles" é o single de apresentação,o tema que presta homenagem ao grande Miles Davis e no qual Gileno Santana nos leva numa viagem irresistível que, ora nos faz acelerar ora nos faz abrandar, sem nunca distrair os nossos sentidos do seu sopro inconfundível.

 

O concerto de apresentação vai ter lugar no âmbito da 13ª Festa do Jazz do Teatro S. Luiz. "Metamorphosis" na companhia de Miguel Moreira (guitarra), Joaquim Rodrigues (teclas), José Carlos Barbosa (baixo) e Mário Costa (bateria).

 

Teatro Estúdio Mário Viegas (Lisboa)

28 março 2015 | 18.20h

Rita Braga…. Sem holofotes

Sem holofotes a ofuscar caminho, o percurso de Rita Braga merece atenção e aplauso.

rita-braga.jpgSe por um lado tem vindo a representar alguma da fatia mais original no panorama cantautor nacional, por outro haverão poucos casos como o dela em que, mantendo-se num circuito de produção independente, tem alcançado enormes conquistas.

Encontrar espaço próprio neste limbo nem sempre é fácil, mais ainda quando já se conta uma década completa de estrada e estúdio. Do boca-a-boca gerado pelos primeiros concertos até às várias viagens mundo fora, sempre com a sua música atrás, a sua carreira tem alcançado um gradual e sóbrio processo de internacionalização, facto que não se assume tanto por objectivo, mas que se tem verificado.

 

Relativamente distante dos delírios space age do seu pseudónimo enquanto Blue Bobby, cujo EP de “Meet Me Tonight In Dreamland” revelou uma deliciosa mão cheia de experimentações pop com ecos da herança de Joe Meek ou Clara Rockmore, as suas composições soam agora mais nómadas que nunca. Algo que o álbum de estreia “Cherries that Went To The Police” expôs de modo inequívoco, revelando sonoridades emprestadas à folk dos Balcãs, à música ancestral árabe, aos ecos do Havai passando ainda pelo swing ou cabaret. Entre o ukelele e os teclados, a sua voz baila nesta bizarra amálgama instrumental tão magnética quanto parece realmente soar. A multiplicidade de mundos que explora levou-a a receber diversos convites para colaborações com The Legendary Tigerman, Bernardo Devlin ou com o titã da electrónica abstracta alemã, Felix Kubin. .

 

Galeria ZDB (Lisboa)

26 março 2015 | 22.00h

Tara Perdida…. De regresso

Este ano os Tara Perdida, banda punk rock portuguesa, comemoram 20 anos de carreira, e com um novo vocalista, Tiago Afonso, que acompanhou já os Tara Perdida ao longo de 2014.

A Banda prepara o lançamento do novo álbum “Luto”, em fase final de produção, mostrando que querem continuar em frente, sem esquecer nunca o seu percurso dos últimos 20 anos.

tara-perdida-55d7.jpgA banda foi liderada por João Ribas ate Março de 2014 altura que viria a falecer vitima de doença.

A banda sucedera, na carreira de João Ribas, aos Censurados e aos Ku de Judas.

 

Com o lançamento do novo disco os Tara Perdida são anunciados para um concerto na Queima das Fitas em Coimbra no dia 13 de Maio.